Google+

Tradutor

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Agência trabalha em sistema para substituir GPS tradicional


Nascido como um projeto militar dos Estados Unidos, o sistema de posicionamento global (GPS) que equipa veículos e smartphones depende de um complexo sistema de satélites para fornecer localizações precisas. Foi a Darpa, agência americana que pesquisa novas tecnologias para uso militar, que lançou nos anos 1980 um programa de miniaturização desse equipamento, conhecido como Virginia Slims. Agora, a agência trabalha em uma nova geração. 
O principal objetivo do projeto é tornar o sistema independente do conjunto de satélites que orbita a Terra, base do GPS como conhecemos hoje. Isso porque existem áreas fora da cobertura desse tipo de equipamento, e também porque a rede atual é vulnerável a interceptações e bloqueios inimigos. 
Obviamente, a Darpa não fornece detalhes no artigo publicado na semana passada. O texto faz parte de um conjunto maior de previsões tecnológicas estudadas dentro da agência. Mas há algumas prévias: 
"Para solucionar essa necessidade, a Darpa investe em novas tecnologias radicais que têm o potencial de fornecer qualidade de posição como a do GPS, incluindo aparelhos de medição inercial que usem interferometria atômica; giroscópios que se calibram sozinhos; acelerômetros e relógios; e relógios atômicos com pulso laser e fontes de mico-ondas." 
O futuro do GPS parece complexo, mas brilhante. 

Fonte: Info.abril.

AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia