Google+

Tradutor

sábado, 12 de julho de 2014

10 filmes a que todo empreendedor deve assistir




Muitas vezes saímos do cinema encantados depois de assistir a um filme. Uma boa história serve de modelo e inspiração para qualquer espectador. Por isso separamos dez filmes a que todos os empreendedores deveriam assistir. Com mensagens diretas e indiretas, atitudes lícitas (e às vezes nem tanto), eles mostram a atuação no mundo dos negócios. Prepare sua pipoca e inspire-se com a lista abaixo, composta por filmes mais recentes e outros tirados do fundo do baú.

– “O lobo de Wall Street” (2013): o filme é uma cinebiografia sobre o corretor de ações Jordan Belfort (Leonardo DiCaprio), que ficou rico e depois foi preso por acusações de fraude e outros crimes de colarinho branco. Apesar de ser uma comédia que parece ignorar a gravidade dos atos de Belfort, o filme dá algumas lições sobre jogo de cintura e principalmente para investidores.

– “Jobs” (2013): o filme foi um fracasso de bilheteria e crítica, mas é inegável o poder que a figura de Steve Jobs (Ashton Kutcher) tem sobre os empreendedores de todo mundo. Por isso o longa ainda traz um bom apanhado de memórias de sua carreira e também algumas lições práticas, como saber lidar com investidores. 

– “O homem que mudou o jogo” (2011): longe de ser um filme sobre esporte, “O homem que mudou o jogo” mostra como o treinador Billy Beane (Brad Pitt) fez o Oakland Athletics se destacar na liga nacional de beisebol. A grande sacada de Beane para fazer isso foi analisar estatísticas da equipe, que tinha a menor folha salarial entre as competidoras.

– “A rede social” (2010): “A rede social” conta a história de Mark Zuckerberg (Jesse Eisenberg), o fundador do Facebook, mostrando a criação da rede dentro da universidade Harvard, em 2003. Mostra sua controversa relação com outros fundadores, como o brasileiro Eduardo Saverin (Andrew Garfield), e com empreendedores, como Sean Parker (Justin Timberlake), o primeiro presidente do Facebook.

– “Quem quer ser um milionário” (2008): este filme britânico que mais parece um trabalho de Bollywood mostra o jovem Jamal Malik (Dev Patel) num famoso programa de perguntas e respostas na TV. Jamal busca em sua própria história, marcada por uma infância miserável e violenta, as respostas para as questões perguntadas pelo apresentador. É um exemplo de busca de força interior, algo essencial para empreendedores.

– “À procura da felicidade” (2006): em “À procura da felicidade”, Will Smith interpreta Chris Gardner, um pai de família com problemas financeiros. Tantos que sua mulher sai de casa, deixando o filho Christopher (Jaden Smith), de 5 anos. Chris consegue um estágio não-remunerado numa corretora de valores, mas não consegue dar conta das despesas da casa. Com isso, ele e o menino acabam dormindo em abrigos e estações de trem. É um grande exemplo de que se você tem um sonho, não deve desistir de alcançá-lo.

– “Piratas da informática” (1999): um clássico entre os apaixonados por tecnologia, Piratas da informática também é conhecido como Piratas do Vale do Silício. O filme mostra o começo de duas das principais empresas de tecnologia do mundo, a Apple e a Microsoft. Retrata as brigas de bastidores entre Steve Jobs (Noah Wyle) e Bill Gates (Anthony Michael Hall), a concorrência entre as companhias e sua importância no setor.

– “Jerry Maguire - A grande virada” (1996): depois de uma crise de consciência, o bem-sucedido agente esportivo Jerry Maguire (Tom Cruise) escreve um documento defendendo que os agentes deveriam cuidar da carreira dos atletas de forma mais humana, ainda que isso significasse ganhar menos. Depois disso, acaba sendo demitido da consultoria onde trabalhava e perde seus clientes, à exceção do jogador de futebol americano Rod Tidwell (Cuba Gooding Jr). “Jerry Maguire – a grande virada” é um filme que mostra como é possível vencer depois de um fracasso.

– “O segredo do meu sucesso (1987)”: o jovem Brantley Foster (Michael J. Fox) deixa uma cidadezinha no Kansas para tentar o sucesso em Nova York. Ao chegar lá, as coisas não saem como planejadas e ele se vê obrigado a pedir um emprego ao tio, Howard Prescott (Richard Jordan), que controla uma empresa milionária. Como o trabalho é modesto, Brantley, decide levar uma vida dupla, criando um personagem chamado Carlton Whitfield, um executivo de ideias brilhantes, mas que ninguém sabe de onde veio.

– “O Poderoso Chefão” (1972): o clássico que dá início à famosa trilogia dispensa muitas recomendações e mostra a trajetória da família Corleone e seus negócios ilícitos. O primeiro “Poderoso Chefão” mostra as vantagens e desvantagens de empreender em família e que o melhor sucessor pode ser quem menos se espera.


Fonte: http://revistapegn.globo.com/


sexta-feira, 11 de julho de 2014

9 filmes que ajudarão você a crescer profissionalmente




Lições com pipoca

Cinema tem tudo a ver com inspiração. Pensando nisso, EXAME.com elaborou uma lista de filmes com lições, personagens e histórias que podem servir como referência para quem quer crescer na carreira.




Menina de ouro
Maggie se dedica ao boxe de corpo e alma. Para conquistar o sonho de virar uma grande estrela do esporte, conta com o apoio e a amizade do duro treinador Frankie.

O que extrair do filme? A determinação e a resiliência de Maggie são exemplares - e valem para superar os tropeços que acontecem em qualquer carreira. “A personagem ouve muitos nãos no decorrer do filme, mas nenhum deles consegue demovê-la de seus objetivos”, diz Stefania Giannoni, especialista em desenvolvimento de pessoas.

Menina de ouro
Gênero: Drama
Diretor: Clint Eastwood
Ano: 2004

Invictus
O presidente sul-africano Nelson Mandela tenta reintegrar um país dividido pelo apartheid. Para que a nação volte a se ver como uma só, ele confere à seleção nacional de rugby a missão de vencer a Copa do Mundo de 1995.

O que extrair do filme? Para atingir nossos objetivos, muitas vezes precisamos agir coletivamente. O conceito de “time” ilustrado no drama é essencial para um bom profissional. “Entender a importância do trabalho em grupo é fundamental para se desenvolver”, afirma a consultora Stefania Giannoni.

Invictus
Gênero: Drama
Diretor: Clint Eastwood
Ano: 2009

Se eu fosse você
O casal Cláudio e Helena briga rotineiramente por conta de suas diferenças. Do dia para a noite, acordam com os corpos trocados e redescobrem o mundo através dos olhos um do outro.

O que extrair do filme? A comédia ilustra a importância da empatia para as relações, inclusive profissionais. “Quando nos colocamos no lugar do outro, seja um colega ou chefe, evitamos brigas desnecessárias e construímos um ambiente de trabalho mais produtivo”, afirma a consultora.

Se eu fosse você
Gênero: Comédia
Diretor: Daniel Filho
Ano: 2006

Meu nome é Radio

O treinador Jones acolhe em seu time um jovem com necessidades especiais. “Radio”, como é conhecido o garoto, é apaixonado por futebol americano, mas sofre com a indiferença dos demais.

O que extrair do filme? A trama aborda a importância de aceitar e valorizar a diversidade. Segundo Stefania, o paralelo com o mundo do trabalho é claro. “Como no caso do garoto do filme, nossos limites podem ser minimizados quando aceitos pelos outros e por nós mesmos”, explica.

Meu nome é Radio
Gênero: Drama
Diretor: Michael Tollin
Ano: 2003

A fuga das galinhas
A galinha Ginger decide se rebelar contra os proprietários da granja onde vive e, assim, evitar a morte de suas companheiras. Para a grande escapada que salvará suas vidas, as aves contam com a ajuda do galo Rocky.

O que extrair do filme? A comédia retrata o poder do planejamento para que um objetivo se cumpra. Porém, mesmo com a melhor estratégia, algo pode falhar. “Um profissional bem-sucedido é flexível e consegue encontrar alternativas quando o plano original dá errado”, afirma a consultora.

A fuga das galinhas
Gênero: Animação
Diretor: Peter Lord e Nick Park
Ano: 2000

O diabo veste Prada
A ingênua Andrea é contratada como assistente de Miranda, impiedosa editora de uma revista de moda em Nova York. Aos poucos, descobre que muito jogo de cintura será necessário para se adaptar ao perfil cruel da chefe.

O que extrair do filme? Apesar de toda a acidez de Miranda, a assistente Andrea demonstra profissionalismo e confiabilidade. “A personagem não faz o seu melhor apenas para se dar bem na entrevista de emprego, ela é constante em sua dedicação ao trabalho”, diz Stefania.

O Diabo veste Prada
Gênero: Comédia
Diretor: David Frankel
Ano: 2006

As cinco pessoas que você encontra no céu
Eddie cuida da segurança de um parque de diversões e morre na tentativa de salvar uma criança de um acidente. Quando desperta no paraíso, encontra cinco pessoas cuja vida ele mudou sem saber.

O que extrair do filme? O drama ilustra o fato de que estamos todos conectados. Muitas vezes não sabemos o impacto que temos sobre as trajetórias uns dos outros - inclusive do ponto de vista profissional. “Isso reitera a importância do networking e das boas relações para o desenvolvimento de uma carreira”, diz a consultora.

As cinco pessoas que você encontra no céu
Gênero: Drama
Diretor: Lloyd Kramer
Ano: 2005

A origem dos guardiões
Diante da ameaça de que o mal destrua as esperanças e a imaginação das crianças de todo o mundo, Jack Frost descobre seu talento como guardião da infância.

O que extrair do filme? A trama retrata a importância da vocação - e da consciência sobre ela. “Sem investigar seu potencial, você pode desperdiçar talentos e oportunidades”, afirma Stefania. De acordo com ela, o autoconhecimento é fundamental para quem busca extrair o melhor de suas qualidades.

A origem dos guardiões
Gênero: Animação
Diretor: Peter Ramsey
Ano: 2012

Click
Michael é um workaholic que quase não vê sua família. Um dia, cai em suas mãos um controle mágico que permite “rebobinar” e passar para frente diversos momentos de sua vida, o que traz descobertas sobre o significado de suas escolhas na vida.

O que extrair do filme? A comédia aborda o delicado equilíbrio entre vida pessoal e vida profissional, um dilema muito atual para grande parte dos profissionais. Quando temos muita ambição profissional, corremos o risco de negligenciar outras esferas da vida e de nos arrependermos disso no futuro”, afirma Stefania. Segundo a consultora, a capacidade de gerir prioridades é rara e muito valiosa.

Click
Gênero: Comédia
Diretor: Frank Coraci
Ano: 2006


Fonte: Infoexame / Stefania Giannoni, diretora da SLG Desenvolvimento de Pessoas.

quarta-feira, 9 de julho de 2014

12 PASSOS PARA CRIAR NOVOS E SAUDÁVEIS HÁBITOS EM 30 DIAS




Por Ernesto Berg* 
Veja algumas dicas importantes de como criar novos hábitos. Com um pouco de autodisciplina você pode fazê-lo e, depois, é só sustentar o novo hábito com um mínimo esforço.
1-Comprometa-se pelo prazo de 30 dias.
Estudos revelam que, se você mantiver um hábito por 21 dias consecutivos (3 semanas), ele passará a fazer parte de seus novos hábitos definitivamente. Logo, três a quatro semanas é o que você precisa para fazer um hábito tornar-se parte integrante de sua vida. Defina qual é novo hábito que você quer desenvolver e sustente-o firmemente por 30 dias. Marque os 30 dias em seu calendário. Se você pretende desenvolver vários novos hábitos, tente um ou, no máximo, dois de cada vez, caso contrário poderá sobrecarregar-se e frustrar seu intento.
2-Faça diariamente.
Continuidade é fator vital para estabelecer novos hábitos. Se você pretende começar a fazer ginástica, acordar mais cedo, ou ler um livro importante, faça-o diariamente nos primeiros 30 dias. Praticar isso duas ou três vezes por semana no início, dificilmente ajudará a formar  novo hábito.
3- Inicie sem exageros.
Não tente implantar um novo hábito em poucos dias. O excesso de motivação poderá fazer com que você exagere e depois desista. Se você pretende estudar inglês duas horas por dia, comece com trinta ou quarenta minutos e nos dias posteriores vá aumentando o horário aos poucos, até perfazer duas horas.

4- Acione a âncora. 
Uma âncora é uma espécie de ritual que você ativa um pouco antes de praticar o hábito. Por exemplo, se pretende dormir mais cedo, faça isso sempre no mesmo horário. Se deseja dominar seu temperamento explosivo, olhe para cima por 5 ou 10 segundos quando surgir a vontade de explodir. Se você pretende parar de fumar, estale os dedos sempre que surgir a vontade de pegar um cigarro.

5- Preencha a necessidade eliminada.
Se você está desistindo de um hábito prejudicial, certifique-se de que está substituindo satisfatoriamente o hábito abandonado. Se quiser largar seu temperamento explosivo, você poderia, por exemplo, começar a praticar relaxamento mental e muscular, ou meditar, pois a força de vontade nem sempre é suficiente para sobrepujar um hábito indesejado. Coloque algo positivo no lugar do hábito que você está deixando.

6- Relembre seu compromisso.
Depois de uns dez dias é fácil esquecer-se de sua decisão. Por isso mesmo, escreva o hábito que você está se propondo a executar em várias pequenas cartolinas, e deixe-as à vista para que você se lembre de cumpri-lo diariamente.

7- Remova as tentações.
Provavelmente você terá que reestruturar seu ambiente durante os primeiros 30 dias, para que não caia na tentação de voltar ao velho hábito. Jogue fora os cigarros e evite ambientes frequentados por fumantes, tire a TV do ambiente em que você mais permanece, pratique relaxamento mental antes de ir a uma reunião conturbada ou falar com seu mal humorado chefe.

8- Use a técnica do “mas”.
Muitos psicólogos e terapeutas utilizam uma ótima técnica chamada “mas”, para modificar maus padrões de pensamento. Quando você começar a ser assaltado por maus pensamentos, use a palavra “mas” para interromper o fluxo negativo. “Sou muito tímido, mas se eu trabalhar consistentemente esse problema, vou superá-lo.” “Sou muito nervoso, mas se eu me esforçar regularmente vou superar isso completamente.”

                                                                                                                                    
9- Tenha paciência.
Não espere sucesso imediato. A construção de um novo hábito deve estar alicerçada em bases sólidas. Isso não é construído da noite para o dia. Alguns tropeços podem acontecer, porém a perseverança fará você retomar o caminho prontamente. Considere como se isso fosse um experimento, por isso não faça qualquer julgamento antes de vencido o prazo de 30 dias. Você sempre sairá da experiência muito maior do que quando entrou nela.

10- Associe-se a pessoas positivas.
Despenda mais tempo com pessoas que já têm o hábito positivo que você quer desenvolver. Espelhe-se nelas porque lhe dará motivação para continuar. O tipo de ambiente que você frequenta vai influenciá-lo positiva ou negativamente no desenvolvimento de novos hábitos, porque você se torna naquilo com que convive por mais tempo.

11- Conscientize-se dos benefícios e das desvantagens.
Saiba quais são os reais benefícios em promover o novo hábito e perceba os níveis de energia e de autoestima que começam a fazer parte de você. Imagine-se antecipadamente de posse do novo hábito que você almeja ter e sinta a alegria em tê-lo incorporado em sua vida. Ao mesmo tempo, conscientize-se das consequências em não adotar o novo hábito e o preço que você terá de pagar por não tê-lo.

12- Tenha em mente seu objetivo de vida.
Atrele seus hábitos aos seus objetivos de vida, àquilo que te motiva e para o qual você nasceu. Não permita que hábitos fracos e nocivos se interponham entre você e sua missão. Você está aqui para vencer e dar exemplo aos outros. Faça dos hábitos saudáveis degraus que alavanquem você e marquem sua passagem pela Terra.
Então, você poderá fazer a pergunta que Ricard Bach, o renomado autor do livro Fernão Capelo Gaivota, fez: “Eu dei a minha vida para me tornar o que sou agora. Valeu a pena?”  Espero que sim, e que continue valendo a pena.

Texto extraído e condensado do livro “O Poder da Liderança”, de Ernesto Artur Berg.
Ernesto Berg é consultor de empresas, professor, palestrante, articulista, autor de 14 livros, especialista em desenvolvimento organizacional, negociação, gestão do tempo, criatividade na tomada de decisão, administração de conflitos.  Graduado em Administração e Sociologia,  Pós-graduado em Administração pela FVG de Brasília. Foi executivo do Serpro em Brasília por 10 anos e consultor Senior da Alexander Proudfoot Company de São Paulo.

Fonte: http://cloudcoaching.me/

terça-feira, 8 de julho de 2014

35 hábitos para se tornar uma pessoa mais produtiva




Mente
1. Regra do 80/20: preste atenção à regra do 80/20, ou seja, quais são os 20% de trabalho que renderão 80% de resultados?
2.  Foque nas coisas importantes, e suprima as urgências
3. Decida qual será o resultado antes mesmo de começar
4. Faça um caderno para anotar ideias geniais que você tem e com as quais não pode trabalhar no momento
5. Elimine questões triviais para evitar o desperdício de seu tempo, como na escolha das roupas que vai usar
6. Aprenda a ignorar. Não é preciso ter uma resposta para tudo
7. Não perca tempo: faça um mau rascunho. Afinal, você não vai poder editar uma página em branco
8. Trate seu tempo como se ele fosse dinheiro

Alimentação
9. Crie uma rotina alimentar
10. Coma alimentos saudáveis
11. Receba a comida por delivery para economizar tempo
12. Faça um acordo com a cafeteria que frequenta diariamente

Agenda
13. Faça as coisas mais fáceis primeiro
14. Priorize apenas uma coisa por dia
15. Defina uma rotina diária para se organizar melhor
16. Evite fazer reuniões quando elas não forem sobre algum assunto realmente decisivo
17. Melhor feito do que perfeito

Corpo
18. Controle a ansiedade. Uma boa forma de fazer isso é praticando alguma atividade física, como corrida, dança ou natação
19. Não se prenda a poucas horas de sono. Dormir mais pode fazer com que você produza mais no dia seguinte
20. Tire pequenos cochilos quando sua energia estiver muito baixa

Truques
21. Visualize o produto final
22. Quem veio primeiro: o ovo ou a galinha? Evite a questão ovo-galinha e comece a tarefa antes mesmo de se sentir preparado
23. Assuma que você está com a razão quando estiver em dúvida. Decisivo é produtivo
24. Quando estiver com a mente muito bloqueada, crie um mapa mental com suas ideias
25. Se você não pode escrever algo, grave-o
26. Quando ler algo que lhe foi útil, escreva para o autor

Roupas
27. Defina uma espécie de uniforme para ir trabalhar, e use-o diariamente
28. Use tecidos inteligentes, para não perder tempo passando camisas
29. Carregue uma roupa que possa ser usada em várias ocasiões
30. Doe ou descarte as roupas que você já deixou de usar

Tecnologia
31. Limite as respostas de e-mail para apenas uma mensagem por minuto
32. Se você não consegue entender sobre o que um e-mail se trata, não responda
33. Desligue-se das notícias. Poucas coisas importantes acontecerão durante o dia
34. Não atenda a chamadas a não ser em casos de emergência (e emergências são raras)
35. Use atalhos de teclado para economizar tempo ao usar o PC.

Fonte: Infoexame

domingo, 6 de julho de 2014

Inaugurada em SC maior geradora solar em um edifício da AL




A Eletrosul pôs em funcionamento nesta sexta-feira em sua sede em Florianópolis a maior geradora solar montada em um único edifício de toda a América Latina e que conta com capacidade para abastecer 540 residências.
A Central Megawatt Solar, uma geradora que tem como fonte os painéis solares instalados nos telhados do edifício e do estacionamento da sede administrativa de Eletrosul.
A geradora, com capacidade para produzir 1,2 gigavatios por hora (GWh) de energia por ano tem uma potência instalada de 1 megawatt-pico (MWp), possui 4.200 módulos fotovoltaicos instalados ao longo de 8.300 metros quadrados de telhados.
Apresentada pela Eletrosul como modelo para outras edificações no Brasil, custou R$ 9,5 milhões, financiados em parte pelo banco de fomento do governo alemão (KfW).
A tecnologia para a geradora foi desenvolvida por empresas de cooperação internacional da Alemanha, um dos países líderes no setor, e por pesquisadores da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e do Instituto para o Desenvolvimento de Energias Alternativas na América Latina (Ideal).
"Estamos atentos e alinhados às diretrizes do país pela diversificação e complementaridade da matriz energética, com o uso sustentável de fontes alternativas", afirmou o presidente da Eletrosul, Eurides Mescolotto, que lembrou que esta empresa estatal já é a maior produtora de energia eólica no sul do país.
"O Brasil tem um grande potencial para a geração de energia a partir do sol. Projetos como o Megawatt Solar certamente servirão de estímulo para que iniciativas semelhantes se multipliquem no país", disse o diretor da KfW para a América Latina, André Ahlert.
A empresa informou que a energia gerada pela edificação será vendida a consumidores particulares, como empresas e shoppings, mediante leilões públicos.
O primeiro destes leilões está previsto para o segundo semestre deste ano e pode comercializar 800 megawatts hora por ano.

Fonte: info.abril






AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia