Google+

Tradutor

sábado, 5 de julho de 2014

Apple procura engenheiro brasileiro para ensinar português à Siri





A assistente de comandos de voz Siri finalmente irá falar em português. A novidade vem da própria Apple, que em sua página de empregos anunciou uma nova vaga para engenheiros que estejam dispostos a trabalhar na equipe para ensinar o novo idioma à assistente na sede da empresa, no Vale do Silício.
Na descrição do anúncio, são informados todos os requisitos da oportunidade: o candidato deve ter formação em Ciência da Computação, Engenharia Elétrica ou áreas relacionadas, ser falante nativo do português brasileiro, além de qualificações em desenvolvimento para as plataformas iOS e Mac OS X e programação em Java, Perl e Shell.

Fonte: info.abril 

sexta-feira, 4 de julho de 2014

Por que a Geração Y anda tão frustrada com a carreira?






Seis jovens, seis caminhos distintos com duas características que se repetem: distração e um quê de frustração.
Em comum, eles têm as sessões com o mentor, figura responsável por ajudar a ressignificar escolhas e redefinir rumos a partir da descoberta de valores e do propósito de vida.
Essa é a proposta do novo livro de Sidnei Oliveira, “Conectados Mas Muito Distraídos” (Integrare Editora).  “A ideia é fazer uma provocação. Estamos vivendo um tempo de transformação, nunca estivemos tão conectados, mas a qualidade desta conexão é superficial”, explica.
Daí a distração citada por Oliveira. O acesso a todo tipo de informação é amplo e quase imediato, mas a atenção anda bem “rasa”. 
Por isso, segundo o autor, que está presente no livro no papel de mentor dos seis jovens, as oportunidades podem passar ao lado, sem serem percebidas por eles.
É o que Oliveira tem visto acontecer e que o motivou a escrever o livro, definido por ele como um tratado sobre a mentoria. Os jovens são fictícios, diz, mas construídos a partir de pessoas e histórias reais. “A Geração Y vai se reconhecer”, diz.
Mas, não é só a distração que explica a frustração que tem permeado a vida profissional de tantos representantes da Geração Y. Segundo Oliveira, outros aspectos também contribuem para este cenário de desmotivação. Confira quais:
Disputa com “veteranos”
“Nunca uma geração de jovens teve de disputar tanto por um espaço na sociedade com a atual”, escreve Sidnei Oliveira, logo na introdução do livro.
Com o aumento da expectativa de vida, profissionais veteranos, na casa dos 45 e 60 anos, pertencentes, portanto, a gerações anteriores à Y, continuam ativos no mercado.
E mais: esses profissionais voltaram a estudar e não perderam competitividade porque aprenderam a lidar com as novas tecnologias. Assim, a “vantagem” da familiaridade com ambientes digitais, antes exclusividade dos jovens, está - nas palavras do autor - sumindo.


 Cobrança para superar pais
Por ter tido mais recursos e privilégios, o jovem se sente na obrigação de superar seus pais. Protegidos, eles foram menos expostos a condições desfavoráveis e, com isso, há uma cobrança para que sejam fantásticos na carreira. “Sentem que precisam ser espetaculares e essa pressão está embarcada dentro das suas próprias expectativas”, diz Oliveira. 
Nesse ponto, a frustração também surge quando o ritmo esperado para as coisas aconteceram na carreira deste jovem não atende às expectativas que ele criou.
A frustração de um dos personagens do livro, Tales, é um exemplo. Vendo-se com mais de 30 anos, o jovem se sentia muito mal por ainda morar na casa da mãe e não ter “nada”, como explica durante a sessão de mentoria.
“Muitos jovens trabalham com a ideia de ter todos os aspectos da vida solucionados antes dos 30 anos. Não admitem que não sejam gerentes antes dessa idade”, diz Oliveira. E no meio disso tudo, ainda precisam ser felizes e seguirem seus sonhos.
Imediatismo
“Na prática, o que eu vejo são muitos jovens com essa vontade de dar certo rápido e que, por isso, decidem buscar atalhos”, diz Oliveira.
Assim, o imediatismo acaba tendo um peso maior do que a estratégia. E há quem se dê mal por sair dos trilhos e tentar o caminho mais curto até o sucesso. É o caso do personagem Tales, que embarca na “onda” do marketing de rede, sem prestar atenção nos riscos da escolha.
Falta de percepção do impacto das escolhas
Uma das missões do mentor dos jovens no livro é ajudá-los a tomar a rédeas de suas vidas. “É um convite para que sejam protagonistas”, diz Oliveira.
O autor diz ter percebido que, muitas vezes, os jovens não se dão conta do impacto de suas próprias escolhas. Um exemplo é o de uma das personagens. Judith deixou as aulas de inglês durante o intercâmbio para viajar com o namorado, em clima de aventura. Resultado: voltou ao Brasil sem dominar o inglês, seu objetivo inicial com a viagem. Por isso dizia que o intercâmbio foi “tempo perdido”.
“Nesse caso, eu sempre gosto de citar uma frase: como é que toda vez que me apunhalam pelas costas, minhas digitais estão na faca?”, diz o autor. A frase, aliás, dá nome ao livro do psicólogo e administrador Jerry B. Harvey, editado no Brasil pela Jose Olympio.


Fonte: info.abril

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Saiba por que pesquisas salariais de TI fogem da sua realidade



Ao se deparar com uma nova pesquisa de faixa salarial, muitos profissionais de TI podem ficar desanimados por não ganharem a mesma remuneração indicada para seus cargos. Outros podem achar que os estudos não foram feitos no país e que não condizem com a realidade do mercado.
Em uma pesquisa realizada pela própria CloudCampus – usando como base de dados alunos, profissionais e clientes do ramo da tecnologia – foram analisadas as faixas de remunerações máximas e mínimas de webmasters a CIO e diretores de TI das empresas, sendo que o cargo de CIO chega a sofrer variação de 10 mil até 55 mil reais.
Vitorino explica que essa grande diferença entre os salários depende de vários fatores como segmento de atuação e localização geográfica de cada empresa. “Um CIO que trabalha em uma empresa onde o core business é tecnologia da informação pode receber na faixa de 55 a 60 mil reais, valor bem acima de empresas que não são do ramo” diz.
Segundo o executivo, até mesmo pesquisas sobre o mesmo assunto feitas por diferentes empresas trazem dados díspares. Isso acontece porque cada órgão usa uma metodologia para aplicar e apurar as experiências realizadas – além de cada um deles lidar com uma amostragem diferente, podendo ser de grandes, médias ou pequenas empresas ou até de regiões diferentes.
Para se ter uma ideia sobre essa diferença entre as pesquisas, o guia salarial feito pela consultoria de recrutamento Robert Half aponta que o salário de um gerente de TI em companhia de grande porte tem salário na faixa de 15 a 30 mil reais, um limite que quase dobra os 17,5 mil informados como remuneração máxima nos resultados da CloudCampus. No entanto, nos dois estudos os CIOs tem remuneração de até 55 mil reais.
Vitorino ainda fala que antes de comparar apenas os cargos, é preciso analisar o currículo de cada profissional. Um indivíduo que frequentou uma boa universidade, tem vários certificados e títulos exigidos no mercado e boa vivência profissional tem condições suficientes de alcançar um cargo de CIO com salário acima de 50 mil. “Muitas vezes o profissional é jovem, nem possui graduação, e acha que aquilo que é publicado numa revista ou em qualquer outro meio de comunicação é o mundo real. Tudo depende muito da formação da pessoa.”
Nada de pedir demissão e nem de mudar de profissão!
Felizmente, o atual mercado de trabalho em TI apresenta demanda crescente por profissionais, gerando remunerações bem competitivas. A gerente das divisões de Engenharia e Tecnologia da Robert Half, Renata Blak, destaca as oportunidades em internet, onde ainda existe muito espaço para novos modelos de negócio. “Também há um volume crescente de demanda na indústria de serviços financeiros, que depende cada vez mais de tecnologia para garantir serviços com alta disponibilidade e precisão”, diz.
José Carlos Vitorino ainda recomenda que os jovens profissionais da área priorizem a boa formação e busquem certificações que estejam de acordo com a área que desejam seguir carreira. Segundo ele, pessoas com certificações de qualidade podem ser valorizadas em até 30% no mercado de trabalho. Além disso, Renata Blak também lembra que em tecnologia as empresas buscam profissionais que tenham foco no cliente e em resultados, proatividade, autonomia e conhecimento do negócio.
Colaborou: Vanessa Daraya

Fonte: Info.abril




quarta-feira, 2 de julho de 2014

Philips e Salesforce vão oferecer aplicações na nuvem para saúde




Empresas uniram experiências para impulsionar a transformação da indústria na gestão colaborativa de cuidados entre pacientes por meio de uma nova plataforma


Com o objetivo de acelerar a transformação do setor de saúde, a Royal Philips e a salesforce.com anunciaram uma parceria estratégica que resultou na construção de uma plataforma para o segmento baseada em nuvem aberta.
A gestão de relacionamento com paciente será o principal ponto da plataforma, permitindo que cuidadores verifiquem de perto  e ofereçam apoio a seus pacientes. A solução também habilitará dispositivos médicos e interoperabilidade de dados, como coleta de dados e análise posterior para melhor tomada de decisão clínica por profissionais e pacientes, permitindo um papel mais ativo na gestão da saúde pessoal.
"Nós entramos em uma nova era de transformação na área da saúde e a tecnologia está permitindo que a indústria possa conectar, cuidar e se envolver com os pacientes, e entre si, de uma maneira nova e profunda", explica Marc Benioff, presidente e CEO da salesforce.com. "Estamos criando, juntamente com a Philips, uma plataforma de saúde aberta e um ecossistema que possa beneficiar todos que se preocupam com uma das questões mais importantes de nosso tempo”, completa. 
A colaboração já resultou em duas aplicações clínicas que serão lançadas na nova plataforma: Philips eCareCoordinator e Philips eCareCompanion. Estes aplicativos permitirão que a equipe de cuidados possa monitorar pacientes com condições crônicas em suas casas, além de facilitar o programa clínico Hospital to Home da Philips, como o Banner iCare, implementado no Banner Health, uma organização responsável e pioneira de cuidados baseada em Arizona, nos EUA. 
Modelos similares de prestação de cuidados à base de tele saúde para os hospitais que utilizam o programa Philips eICU provaram redução da mortalidade em 26%, e do tempo de permanência em 20%, de acordo com um estudo recente. 
"Com esta aliança estratégica, a Philips está fazendo grandes progressos para entregar, em tempo real, soluções digitais de saúde", comenta Frans van Houten, CEO da Royal Philips. "Dados de Saúde existem em muitas formas diferentes e em muitos sistemas diferentes hoje em dia. Juntamente com a salesforce.com, temos uma grande oportunidade de reformular e otimizar a maneira que a saúde é entregue, além de proporcionar um melhor acesso aos dados através da continuidade dos cuidados”, completa.


Fonte: Computerworld

terça-feira, 1 de julho de 2014

Descoberto outro malware raro para Android que se propaga por SMS




Um “worm” de Android raro que se propaga através de links inseridos em SMS foi descoberto por pesquisadores da AdaptiveMobile. Quando instalado nos dispositivos, o malware, denominado Selfmite, envia uma mensagem de texto para 20 nomes da lista de contatos do proprietário do dispositivo.
A maioria dos malware para Android é do tipo Cavalo de Tróia, sem mecanismos de auto-propagação, distribuído em lojas de aplicações não oficiais. Os “worms” de SMS Android são raros, mas a Selfmite é a segunda ameaça descoberta nos últimos dois meses e sugere que a quantidade de ocorrências pode crescer no futuro.
A mensagem de texto enviada pelo Selfmite contém o nome do contato - “Caro [nome], olha o Self-time” - seguida por um link curto “goo.gl”.  O Selfmite leva quem o recebe a baixar e instalar um arquivo chamado “mobogenie_122141003.apk” através do navegador do dispositivo.
A Mobogenie é uma aplicação legítima que permite usuários sincronizarem os seus dispositivos Android com seus PCs, e fazer o download de aplicações a partir de uma loja alternativa. “Acreditamos que alguém decidiu aumentar o número de instalações de aplicações Mobogenie usando software malicioso”, consideram os investigadores da AdaptiveMobile.


Fonte: dgnow

segunda-feira, 30 de junho de 2014

Marco Civil entra em vigor cercado por incertezas






Em abril de 2014 comemoramos o fato do Brasil passar a ter uma legislação garantindo uma série de direitos, como a proteção da privacidade e defesa da liberdade de expressão. Hoje, o Marco Civil da Internet entra em vigor, mas poucos de seus dispositivos já poderão, de fato, servir aos propósitos para os quais foram criados.
A neutralidade de rede, por exemplo, passa a valer de imediato. As operadoras já não podem discriminar tráfego em função de origem e destino, conteúdo, aplicação ou tipo de terminal utilizado. Mas a ausência de um decreto regulamentando as suas exceções compromete sua aplicação prática. Ao pé da letra, as operadoras podem ou não podem continuar identificando pacotes para privilegiar o tráfego de aplicações como VoIP, aplicados os critérios técnicos e de qualidade de serviço previstos nas exceções?
Para a maioria dos advogados – e também para a Anatel – serviços de acesso a sites bancários com base no modelo 0800 que o Ministério das Comunicações está empenhado em criar ou acesso gratuitos a redes sociais, são válidos e não constituem discriminação. O mesmo ocorre com a oferta de planos de voz que deem acesso gratuito a serviços de internet com Facebook e Twitter. Práticas anticompetitivas a partir do abuso de poder econômico, por qualquer agente, continuarão a ser combatidas pelo próprio sistema de defesa da concorrência. Mas há quem discorde de tudo isso.
Com relação à privacidade, a partir de agora, todos os serviços de internet, sejam sites ou aplicativos móveis, são obrigados a deixar claro para o cidadão como os dados pessoais são coletados, guardados, tratados e usados.
Além disso, os fornecedores de aplicações têm que tornar o seu termo de uso mais claro. Google, Facebook, Twitter mexeram nos seus termos de uso? Têm termos de serviços claros? Estariam dispostos a mexer em algo que é global, único para todos os países nos quais esses serviços atuam? E esses termos de uso dão destaque às políticas de “coleta, uso, armazenamento e tratamento de dados pessoais”?
Empresas que trabalham com publicidade digital baseada na coleta de dados de navegação do usuário e seus hábitos de compra estão obrigadas a pedir autorização prévia para tal? E de que forma farão isso?
Na opinião de vários advogados, a publicidade contextual, o retargeting, o monitoramento de redes sociais ou qualquer forma de publicidade online baseada em comportamento (online behavioural adverstising) são atividades que passam a ser reguladas a partir de hoje. Questões como a validade do consentimento dado para a coleta de dados, classificação das informações (como serem capazes ou não de identificar seu titular) e “anonimização” de dados, entre outros, serão olhadas muito mais de perto por consumidores e áreas jurídicas das empresas.
A anuência ao uso do dado pessoal é um dos aspectos que mais preocupa os advogados. Na opinião de alguns deles, o Marco Civil definiu dado cadastral como dado pessoal. E só. Não avançou na definição do que venham a ser dados pessoais. Portanto, cabe a pergunta: o behavioral target é dado pessoal? A segmentação comportamental de determinado grupo para oferta de publicidade necessita de anuência prévia?
Na opinião de vários advogados, o Marco Civil não impede a análise de dados de forma agregada para a formulação de ofertas comerciais ou desenvolvimento de novos serviços. Mas também para esse ponto há contestação.
Tem mais. Com a entrada do Marco Civil em vigor, já a partir de hoje o consumidor brasileiro tem o direito de ter seus dados apagados definitivamente dos bancos de dados do prestador de serviço após o seu cancelamento do mesmo, exceto os registros de acesso, que por questões outras devem ser guardados pelo período de seis meses. Será que esse dispositivo vale para o internet banking, canal de atendimento de um setor extremamente regulado como o financeiro? E como deve ser encarada a suspensão do serviços em sites de e-commerce? Na opinião de muitos, a exclusão definitiva de dados foi tratada de forma muito genérica e dará margem para muita confusão.
Com relação à guarda de logs de conexão, por exemplo, uma empresa que seja o provedor de conexão de seus funcionários e clientes está obrigada a guardar esses dados por um ano, em ambiente controlado? Todos que forneçam acesso WiFi gratuito também? Qual será a interpretação do juízes à fria letra da Lei?
Tudo isso ouvi nas muitas mesas redondas das quais participei ao longo de maio e junho. As respostas para várias dessas perguntas só serão conhecidas após a regulamentação da Lei e os resultados das muitas brigas judiciais que, com certeza, acontecerão.
A sorte está lançada.
Para ser a lei inovadora e avançada que todos nós desejamos, o Marco Civil ainda terá muitos embates pela frente para fazer valer as interpretações mais justas para a redação genérica e imprecisa de muitos de seus dispositivos técnicos.
- See more at: http://idgnow.com.br/blog/circuito/2014/06/23/marco-civil-entra-em-vigor-cercado-por-incertezas/#sthash.bIpHwOtK.dpuf


Fonte: Idgnow

domingo, 29 de junho de 2014

Domingo de sol e sem nuvens





ALERTA: Risco muito alto de deslizamento no Oeste e Meio Oeste. Volume de chuva no Oeste e Meio Oeste dos últimos dias foi excepcional, e mesmo com o cessar das chuvas fortes continuam ocorrendo deslizamentos. Há condição de chuva isolada e fraca na região. Os maiores volumes foram registrados em Chapecó (421mm), Mondaí (425mm), Joaçaba (345mm), Ouro (293mm) Ibiam (286mm), São Miguel do Oeste (285mm) e Águas Frias (270mm).  No Vale do Itajaí e Grande Florianópolis, ATENÇÃO para risco de deslizamentos.
AVISO METEOROLÓGICO I: Rajadas de vento acima de 60km/h em todas as regiões de SC entre a tarde e noite deste domingo.
AVISO METEOROLÓGICO II:  Entre domingo e a segunda-feira à presença de um ciclone extratropical entre o Litoral do RS e SC, intensifica o vento do quadrante sul com rajadas de 60 a 70 km/h com rajadas que podem ultrapassar 100km/h em áreas mais afastadas da costa.Durante o domingo e na segunda-feira o mar fica agitado a muito agitado no litoral de SC, com ondas de sul, altura de 1.5 a 2.5 m e picos de 3.0 a 4.0 m ao sul de Itajaí e em áreas afastadas da costa. As atividades de pesca com pequenas e médias embarcações são expressamente desaconselháveis neste período. Há risco de RESSACA principalmente ao sul de Itajaí e no litoral do RS.


Fonte: Epagri/Ciram / http://www.defesacivil.sc.gov.br/

Trânsito Interrompido na BR 101 em Laguna, SC, BR



Queda de barreira no km 316,5 em Laguna SC, interrompe totalmente o trânsito na BR 101.

Possível desvio via SC 437.



Fonte: PRF


Os 30 erros comuns de linguagem corporal





Sabia que existem alguns movimentos corporais que podem criar uma imagem negativa sua? Conheça 30 erros de linguagem corporal e veja como evitá-los


Um movimento corporal vale mais que mil palavras. Acredita nisso? Dependendo da maneira como você se movimenta e as reações que tem perante certas situações é possível mudar completamente a impressão que uma pessoa tem sobre você. 


Fonte: Noticias.universia

AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia