Google+

Tradutor

sábado, 28 de junho de 2014

ORIENTAÇÃO SOBRE AÇÃO ESCOTEIRA DURANTE AS CHUVAS EM SC




Tendo em vista as enchentes que assolam grande parte de nosso querido estado, a Diretoria Estadual dos Escoteiros de Santa Catarina divulga a realização de uma Campanha Solidária Escoteira. Conclamamos a todos para que realizem em seus Grupos Escoteiros a Campanha Solidária Escoteira, que consiste em arrecadar especialmente alimentos não perecíveis, roupas, fraldas/fraldões e calçados. 
Os donativos arrecadados devem ser encaminhados para a Defesa Civil do seu município que fará o devido encaminhamento. Lembramos para fotografar e fazer uma planilha dos donativos arrecadados e entregues à Defesa Civil. Estes arquivos devem ser guardados junto aos arquivos do Grupo Escoteiro.
Ainda orientamos a todos que mantenham-se informados quanto às orientações da Defesa Civil, especialmente no que se refere a isolamentos de áreas. Em caso de emergência, o telefone da Defesa Civil é 199.
Vamos juntos minimizar o sofrimento dos nossos irmãos flagelados das enchentes no Estado de Santa Catarina.

Sempre Alerta para Servir!

Fonte: http://www.escoteirossc.org.br/site/index.php/noticias/948-orientacao-sobre-acao-escoteira-durante-as-chuvas-em-sc

Avisos e Alertas 28/06/2014






AVISO 17:45h: Chuva persiste nas próximas horas, mais intensa no Planalto Sul, Litoral Sul e Grande Florianópolis.
AVISO METEOROLÓGICO: Neste sábado ainda ocorre chuva em SC, porém com valores menos significativos em relação aos últimos dias na maioria das regiões. Como mostra a Tabela 1, o Planalto Sul e o Litoral Sul são as regiões onde se espera o maior acumulado de chuva para hoje. A boa notícia é que a partir de domingo o tempo melhora com sol em boa parte do Estado, embora ainda possa ocorrer chuva fraca e isolada com valores em torno de 5mm. Veja volumes de chuva previstos para sábado em Leia mais. 
AVISO METEOROLÓGICO II:  Entre este sábado (28) e domingo (29/06), a formação de um ciclone extratropical entre o Litoral do RS e SC, intensifica o vento do quadrante sul com rajadas de 70km/h a 100km/h, mais intensas em áreas mais afastadas da costa. O mar fica muito agitado com ondas de sul e altura de 1.5 a 2.5 m e picos de 3.0 a 4.0 m ao sul de Florianópolis e em áreas mais distantes da costa. Não se descarta a possibilidade de RESSACA, principalmente no Litoral Sul de SC e do RS. As atividades de pesca com pequenas e médias embarcações fica expressamente desaconselhável neste período. 
ALERTA: Risco de deslizamento no Oeste, Meio Oeste, Planalto Norte, Litoral Sul, Planalto Sul, Vale do Itajaí e Grande Florianópolis.  Nas últimas 120hs foram registradas chuva com volumes significativos, nessas regiões, especialmente em Chapecó (410mm), Mondai (351mm) ,Joaçaba (345mm)Ouro (291mm), Taió (156mm), Rio do Sul (153mm), Alfredo Wagner (161mm), Rancho Queimado (148), Porto União (134mm), São Joaquim (209mm), Painel (194mm), Araranguá (139mm). O solo está encharcado e há previsão de chuva persistente nas próximas horas.
Alerta para risco de inundações no Alto Vale do Itajaí: Em Taió o rio está em cota de emergência 8,82m (12hs) se estabilizando. Em Rio do Sul o rio está com 8,69m (13h) em cota de emergência também tendendo à se estabilizar. Barragem Oeste opera com todas as 7 comportas fechadas e Barragem Sul com uma comporta aberta e 4 comportas fechadas.
Alerta para risco de inundações em Lages nos Rios Cará, Passo Fundo e Ponte Grande.
Alerta para inundações no Rio Uruguai: Em Itapiranga o nível do rio está em cota de emergência com 14,47m (17hs), subindo lentamente em torno de 8cm/h. As inundações também estão afetando os municípios de Mondai e Palmitos.
Inundações na Bacia do Rio do Peixe: Níveis dos rios estão tendendo à baixar na bacia do Rio do Peixe. Leitura das 11:15hs em Joaçaba: 8,76m.
Alerta para inundações em Passos Maia, Águas do Chapecó e Concórdia. Em Passos Maia o rio está baixando com a cota em 6,06m - 9hs. 

Fonte: http://www.defesacivil.sc.gov.br/

TV analógica começa a ser desligada em 2016 para liberar faixa para 4G




Desligamento-piloto, no entanto, será realizado já no próximo ano, na cidade goiana de Rio Verde

O desligamento do sinal analógico de televisão no Brasil vai começar em abril de 2016 e se estenderá até novembro de 2018. O cronograma foi estabelecido em portaria do Ministério das Comunicações, divulgada noDiário Oficial da União publicado ontem (23).
A transição da TV analógica para o sistema digital vai ocorrer de forma gradativa e começar pelas capitais do país. Antes de dar início ao chamado switch off, termo em inglês que significa o desligamento do sistema analógico, será realizado um teste na cidade de Rio Verde, em Goiás. O desligamento-piloto está programado para 29 de novembro de 2015.
A primeira cidade a ter o sistema analógico desligado será Brasília, em abril de 2016. Até o fim desse mesmo ano, será a vez de São Paulo, Belo Horizonte, Goiânia e Rio de Janeiro. Em 2017, o cronograma vai incluir as capitais do Sul e do Nordeste e as cidades do interior de São Paulo e do Rio de Janeiro.
Até 2018, o desligamento da TV analógica vai se concentrar nos grandes centros urbanos, onde vivem cerca de 60% da população brasileira. Nos demais municípios, o switch off só deve ocorrer a partir de novembro de 2018.
SBTVD
Criado em 2006 pelo governo brasileiro, o Sistema Brasileiro de Televisão Digital (SBTVD) estabeleceu as diretrizes para que as emissoras e retransmissoras de televisão mudem o seu sistema de transmissão, da tecnologia analógica para a digital. 
O SBTVD é fruto de uma parceria com o governo japonês e também foi adotado por outros países da América latina e da África. Dentre outros recursos, permite assistir TV em dispositivos móveis (como celulares, tablets e aparelhos GPS) e recursos de interatividade.
Um benefício do desligamento do sinal analógico será a liberação da faixa de 700 MHz, atualmente ocupada por canais de TV aberta em tecnologia analógica. Com a digitalização da TV, essa faixa vai ser usada para expandir o serviço de telefonia e internet 4G no Brasil, que desde 2013 já opera na frequência de 2,5 GHz.
A frequência de 700 MHz possibilita cobertura de grandes áreas com o uso de menos antenas, o que permite levar os serviços de telecomunicações inclusive às áreas rurais, a um custo menor. Além disso, é o padrão utilizado internacionalmente para a internet 4G.
*Com informações da Agência Minicom

Fonte:  Computerworld.

Avisos e Alertas - Secretaria de Estado da Defesa Civil - SC



AVISO 1:40h: Instabilidade mantém condição de pancadas de chuva de intensidade fraca a moderada em todas as regiões do Estado nas próximas horas.
ALERTA 01:30hs : Rompimento da Barragem Vacaro - CGH (Central de Geração Hidroelétrica), no município de Ponte Serrada (Oeste), à aproximadamente 56 km em linha reta do município de Arvoredo (Oeste), porém em um trecho bastante sinuoso.
O rompimento ocorreu em uma região remota e a onda de cheia deve passar por quatro PCHs (Pequenas Centrais Hidrelétricas) antes de chegar no município de Arvoredo. A onda de cheia já passou pela PCH Celulose Irani, elevando o nível do rio à jusante em 1,5m, e pela PCH Plano Alto, onde elevou a lâmina d'água em 80cm entre às 16hs e 20hs do dia 27/06 e se estabilizando às 22hs. Às 24hs iniciou o processo de descida do nível. A tendência é que a onda de cheia continue sendo amortecida nas próximas duas PCHs Alto Irani e Arvoredo, até chegar no município de Arvoredo. A expectativa é que o pico em Arvoredo atinga em 5 ou 6hs.
A Defesa Civil Estadual está monitorando a passagem da onda de cheia pelas demais PCHs em conjunto com os engenheiros responsáveis. As ações estão sendo tomadas pelos Maj. BM Marcos e Parizoto com a força tarefa do Corpo de Bombeiros Militar, junto à Defesa Civil Municipal e Estadual, que evacuaram preventivamente 27 famílias e 23 edificações comerciais na área ocupada até a cota de 3m acima do nível do rio. Qualquer novidade estará sendo continuamente atualizada.
Alerta para inundações na Bacia do Rio do Peixe: Níveis dos rios estão voltando a subir na bacia do Rio do Peixe, tendo previsão de continuidade de chuva nas próximas horas. Leitura das 00:00hs em Joaçaba: 10,39m. As inundações também estão afetando os municipios de Videira, Herval do Oeste, Ouro e Capinzal.
Alerta para risco de inundações no Alto Vale do Itajaí: Em Taió o rio está em cota de emergência 8,36m (0hs) e segundo a Defesa Civil Municipal a perspectiva é que não passe dos 9m. Em Rio do Sul o rio está com 7,72m (1h) em cota de emergência e a previsão é que o rio chegue aos 9m, segundo a Defesa Civil Municipal. Barragem Oeste opera com 4 comportas fechadas e 3 abertas e Barragem Sul com as 5 comportas fechadas.
Alerta para inundações no Rio Uruguai: Em Itapiranga o nível do rio está em cota de emergência com 14,15m (21hs), estabilizado, e inundando áreas rurais e urbana do município. As inundações também estão afetando os municípios de Mondai e Palmitos.
Alerta para inundações em Passos Maia, Águas do Chapecó e Concórdia. Em Passos Maia o rio estava com a cota em 6,11m - 17hs e a régua foi danificada. 
ALERTA: Risco de deslizamento no Oeste, Meio Oeste (Vale do Rio do Peixe), Planalto Sul, Alto Vale do Itajaí e Grande Florianópolis.  Nas últimas 72hs foram registradas chuva com volumes significativos especialmente em Chapecó (343mm), Joaçaba (296mm)Mondaí (289mm),Passos Maia (246mm). Além do Oeste e Meio Oeste, no Vale do Itajaí, Rio do Campo registrou 142mm, Salete 89mm, Mirim Doce 85mm, Taió 79mm e na Grande Florianópolis, Rancho Queimado 94mm, Alfredo Wagner 73mm, Planalto Sul 161mm em Painel e 150mm em Urupema. O solo está encharcado e há previsão de chuva persistente nas próximas horas.
AVISO METEOROLÓGICO I: Nesta madrugada de sábado o tempo segue instável com chuva em SC, mais intensa e persistente no Oeste, Meio Oeste, Sul do Estado e Grande Florianópolis. No sábado a chuva mais persistente se concentra principalmente na Grande Florianópolis, Litoral Sul e Planalto Sul. Com as chuvas previstas até sábado, podem ainda ocorrer pontuais de 120 a 180 mm, como mostra a Tabela 1, com risco de alagamentos, inundações, enxurradas e deslizamentos. Esses indicativos são revisados continuamente e recomenda-se o acompanhamento das atualizações dos boletins e possíveis avisos e alertas. Veja em Leia mais, a tabela com acumulados de precipitação previstos para os próximos dias em todas as regiões de SC.
AVISO METEOROLÓGICO II:  Entre o sábado e domingo a formação de um ciclone extratropical entre o Litoral do RS e SC, intensifica o vento do quadrante sul com rajadas de 70km/h a 100km/h, mais intensas em áreas mais afastadas da costa. O mar fica muito agitado com ondas de sul e altura de 1.5 a 2.5 m e picos de 3.0 a 4.0 m ao sul de Florianópolis e em áreas mais distantes da costa. Não se descarta a possibilidade de RESSACA, principalmente no Litoral Sul de SC e do RS. As atividades de pesca com pequenas e médias embarcações fica expressamente desaconselhável neste período.
Tabela 1 - Acumulados de precipitação (mm) previstos para noite de sexta (27) e decorrer de sábado (28/06). 
  Sábado

Total
 
Regiões Min-Máx 
Oeste 15-20 
Meio Oeste 20-40 
Planalto Norte 20-40 
Alto Vale 30-40 
Médio Vale 30-40 
Litoral Norte 10-20 
Grande Florianópolis 40-60 
Litoral Sul 50-70 
Planalto Sul 40-60 
Fonte: Meteorologia Epagri/Ciram
RECOMENDAÇÕES DA DEFESA CIVIL
Tempestades com descargas elétricas, vento e granizo: permanecer em local seguro e não transitar em locais abertos, próximo a árvores, placas publicitárias ou objetos que possam ser arremessados. Se houver granizo é aconselhável que as pessoas se protejam em lugares com boas coberturas, ao exemplo dos banheiros das residências, fechar janelas e portas, e não manusear nenhum equipamento elétrico ou telefone devido aos raios e relâmpagos.
Inundações e Alagamentos: evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados. Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.
Deslizamentos de terra: deve ser observada qualquer movimento de terra ou rochas próximas a suas residências, inclinação de postes e árvores e rachaduras em muros ou paredes. Neste caso, é recomendável que a família saia de casa e acione a Defesa Civil municipal ou o Corpo de Bombeiros.
Mar agitado: perigo a navegação e a atividade de pesca.
Ressaca: proteger embarcações e apetrechos de pesca e maricultura. Atenção para edificações, infraestruturas e vias em áreas de vulneráveis à erosão e inundações costeiras.
PREVISÃO VOLTADA PARA DEFESA CIVIL - Fonte: Epagri-Ciram
Sistema Meteorológico: forte instabilidade em SC, associada a um cavado (área alongada de baixa pressão) e o jato subtropical (ventos fortes em altitude).
Sábado (28/06): Céu encoberto com chuva em SC, em boa parte do dia. No Oeste o tempo melhora no fim do dia. A chuva mais intensa e volumosa está prevista para faixa leste do Estado, Planalto ao Litoral (40 a 70mm). Temperatura amena, em pequena elevação durante o dia.
AVISO: Ventos de sul de 70 a 100km/h no Planalto Sul e Litoral e agitação marítima devido a formação do ciclone extratropical. Risco de alagamentos, inundações, enxurradas e deslizamentos.
Sistema Meteorológico: instabilidade associada a formação de um ciclone extratropical no Litoral Sul de SC.
PREVISÃO PARA OS PRÓXIMOS DIAS:
No domingo (29/06), nebulosidade variável com aberturas de sol e chuva isolada em SC, especialmente do Oeste ao Sul de SC e na Grande Florianópolis (5 a 10mm). Atenção: ventos mais forte no Litoral e mar agitado com risco de ressaca, especialmente no RS e Litoral Sul de SC.
Na segunda (30) e terça-feira (01/07), sol e poucas nuvens. Temperatura em declínio.
Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros, no número 193. A Defesa Civil do Estado conta com atendimento de 24 horas, com equipes de prontidão. O telefone para contato é o (48) 3664-7056. 
defesa civilGerência de Monitoramento e Alerta
Diretoria de Prevenção
Secretaria de Estado da Defesa Civil

sexta-feira, 27 de junho de 2014

URGENTE: barragem estoura por causa da chuva e ameaça inundar cidade de Arvoredo, no Oeste de SC.







Uma barragem particular em Ponte Serrada estourou em razão do excesso de chuva no Oeste de Santa Catarina e ameaça inundar a cidade de Arvoredo. Cerca de 25 Bombeiros de Chapecó e Concórdia estão se deslocando para Arvoredo com o objetivo de evacuar a cidade e avisar a população ribeirinha. Também foi solicitado reforço de bombeiros de Lages.
De acordo com o subtenente do Corpo de Bombeiros de Chapecó, Nelci Dallagnol, a Barragem do Vacari estourou por volta das 14h30, interrompendo o trânsito na BR 282. O volume de água vai desembocar no Rio Irani e deve atingir a cidade de Arvoredo em duas horas. As autoridades do município foram avisadas.
De acordo com o Corpo de Bombeiros a barragem é de pequeno porte, mas devido a nível alto do rio, a evacuação será feita de forma preventiva.


Avisos e Alertas 27/06/2014

AVISO 10h: Nas próximas 2 horas, chuva persistente de intensidade moderada no Planalto Norte, Planalto Sul e Grande Florianópolis.
Alerta para inundações na Bacia do Rio do Peixe: Níveis dos rios estão se estabilizando na bacia do Rio do Peixe, porém há previsão de continuidade de chuva nas próximas horas. Leitura das 8hs em Joaçaba: 10,12m. As inundações também estão afetando os municipios de Videira, Herval Doeste, Ouro e Capinzal.
Alerta para inundações no Rio Uruguai: Em Itapiranga o nível do rio está em cota de emergência com 13,80m (09:00hs - 27/06), subindo lentamente, e inundando áreas rurais e urbana do município. As inundações também estão afetando os municípios de Mondai e Palmitos.
Alerta para inundações em Passos Maia, Águas do Chapecó e Concórdia. Em Passos Maia o rio esta com a cota em 6m começando a afetar residencias. 
Alerta para risco de inundações no Alto Vale do Itajaí: Em Taió o rio está em cota de emergência 7,30m e em Rio do Sul em cota de alerta, 6,31m, conforme a última leitura às 9hs. Barragens Oeste e Sul continuam com comportas abertas e há perspectiva de inundações, por enquanto restritas apenas às áreas mais baixas da região.
ALERTA: Risco de deslizamento no Oeste, Meio Oeste (Vale do Rio do Peixe), Planalto Sul e Alto Vale do Itajaí.  Nas últimas 72hs foram registradas chuva com volumes significativos especialmente em Chapecó (347mm), Mondaí (315mm), Joaçaba (278mm), São Miguel Do Oeste (223mm), Ouro (213mm), Rio das Antas (190mm), Zortéa (205mm), Passos Maia (192mm). O solo está encharcado e há previsão de chuva persistente nas próximas horas.
AVISO METEOROLÓGICO INesta sexta-feira o tempo segue instável com chuva em SC, mais intensa e persistente no Oeste, Meio Oeste, Sul do Estado e Grande Florianópolis. No sábado a chuva mais persistente se concentra principalmente na Grande Florianópolis, Litoral Sul e Planalto Sul. Com as chuvas previstas até sábado, podem ainda ocorrer pontuais de 120 a 180 mm, como mostra a Tabela 1, com risco de alagamentos, inundações, enxurradas e deslizamentos. Esses indicativos são revisados continuamente e recomenda-se o acompanhamento das atualizações dos boletins e possíveis avisos e alertas. Veja em Leia mais, a tabela com acumulados de precipitação previstos para os próximos dias em todas as regiões de SC.
AVISO METEOROLÓGICO II:  Entre o sábado e domingo a formação de um ciclone extratropical entre o Litoral do RS e SC, intensifica o vento do quadrante sul com rajadas de 70km/h a 100km/h, mais intensas em áreas mais afastadas da costa. O mar fica muito agitado com ondas de sul e altura de 1.5 a 2.5 m e picos de 3.0 a 4.0 m ao sul de Florianópolis e em áreas mais distantes da costa. Não se descarta a possibilidade de RESSACA, principalmente no Litoral Sul de SC e do RS. As atividades de pesca com pequenas e médias embarcações fica expressamente desaconselhável neste período.
Tabela 1 - Acumulados de precipitação (mm) previstos para cada 24h.

 SextaTotalSábadoTotalTotal
RegiõesMin-MáxMin-MáxMin-Máx
Oeste100-12015-20115-130
Meio Oeste60-8020-4080-120
PlanaltoNorte70-10020-4090-140
Alto Vale60-8030-4090-120
Médio Vale60-8030-4090-120
Litoral Norte40-6010-2050-80
GrandeFlorianópolis100-12040-60140-180
Litoral Sul60-9050-70110-160
Planalto Sul70-9040-60110-150
Fonte: Meteorologia Epagri/Ciram

RECOMENDAÇÕES DA DEFESA CIVIL
Tempestades com descargas elétricas, vento e granizo: permanecer em local seguro e não transitar em locais abertos, próximo a árvores, placas publicitárias ou objetos que possam ser arremessados. Se houver granizo é aconselhável que as pessoas se protejam em lugares com boas coberturas, ao exemplo dos banheiros das residências, fechar janelas e portas, e não manusear nenhum equipamento elétrico ou telefone devido aos raios e relâmpagos.
Inundações e Alagamentos: evitar o contato com as águas e não dirigir em lugares alagados. Evitar transitar em pontilhões e pontes submersas e cuidado com crianças próximas de rios e ribeirões.
Deslizamentos de terra: deve ser observada qualquer movimento de terra ou rochas próximas a suas residências, inclinação de postes e árvores e rachaduras em muros ou paredes. Neste caso, é recomendável que a família saia de casa e acione a Defesa Civil municipal ou o Corpo de Bombeiros.
Mar agitado: perigo a navegação e a atividade de pesca.
Ressaca: proteger embarcações e apetrechos de pesca e maricultura. Atenção para edificações, infraestruturas e vias em áreas de vulneráveis à erosão e inundações costeiras.

PREVISÃO VOLTADA PARA DEFESA CIVIL - Fonte: Epagri-Ciram
Sexta-feira (27/06): Céu encoberto com chuva na maioria das regiões, moderada a forte em alguns momentos e persistente. Temperatura amena, em pequena elevação durante o dia.
AVISO:  Os maiores acumulados de chuva estão previstos para Oeste, Sul do Estado e Grande Florianópolis, próximo e acima de 100mm nas próximas 24h. Também há risco de alagamentos, inundações, enxurradas e deslizamentos.
Sistema Meteorológico: forte instabilidade em SC, associada a um cavado (área alongada de baixa pressão) e o jato subtropical (ventos fortes em altitude).
 carta 20140627
Carta Sinótica - 27/06/2014 - 06h (UTC) - Fonte: Monitoramento Defesa Civil SC
PREVISÃO PARA O DIA SEGUINTE:
Sábado (28/06): Céu encoberto com chuva em SC, em boa parte do dia. No Oeste o tempo melhora no fim do dia. A chuva mais intensa e volumosa está prevista para faixa leste do Estado, Planalto ao Litoral (40 a 70mm). Temperatura amena, em pequena elevação durante o dia.
AVISO: Ventos de sul de 70 a 100km/h no Planalto Sul e Litoral e agitação marítima devido a formação do ciclone extratropical. Risco de alagamentos, inundações, enxurradas e deslizamentos.
Sistema Meteorológico: instabilidade associada a formação de um ciclone extratropical no Litoral Sul de SC.

PREVISÃO PARA OS PRÓXIMOS DIAS:
No domingo (29/06), nebulosidade variável com aberturas de sol e chuva isolada em SC, especialmente do Oeste ao Sul de SC e na Grande Florianópolis (5 a 10mm). Atenção: ventos mais forte no Litoral e mar agitado com risco de ressaca, especialmente no RS e Litoral Sul de SC.

Na segunda (30) e terça-feira (01/07), sol e poucas nuvens. Temperatura em declínio.


Qualquer problema deve ser comunicado à coordenadoria municipal de Defesa Civil, através do telefone de emergência 199 ou para o Corpo de Bombeiros, no número 193. A Defesa Civil do Estado conta com atendimento de 24 horas, com equipes de prontidão. O telefone para contato é o (48) 3664-7056. 
defesa civilGerência de Monitoramento e Alerta
Diretoria de Prevenção
Secretaria de Estado da Defesa Civil
Fontes:
 http://diariocatarinense.clicrbs.com.br/
http://www.master.iag.usp.br/imagens/imagens_data.php?setor=Am_sul&canal=IR&t=0
http://www.defesacivil.sc.gov.br/




Android TV pode ser a solução para o mercado de Smart TVs




Confirmando os rumores, a Google apresentou durante a Google I/O a sua nova plataforma para Smart TVs, chamada Android TV. O sistema virá embarcada em televisores e conversores de parceiros da Google. Toda a família de SmartTVs 2015 da Sony vai rodar o sistema AndroidTV. Sharp e TPVision (Philips) também terão televisores com o sistemas e outros fabricantes farão conversores.


O objetivo é ampliar a experiência dos usuários das chamadas TVs conectadas ou TVs inteligentes, dando a possibilidade de uso de recursos como a busca por voz para encontrar um show ao vivo na programação da TV, um bom filme a partir do Google Play, ou um vídeo no YouTube.  O sistema é capaz ainda de oferecer ecomendações de conteúdo com base no perfil e nas atividades de cada usuário.
Os usuários também serão capazes de transmitir conteúdo de seus smartphones e tabletspara suas TVs com o sistema, que se integrará com o dispositivo Chromecast.
Por falar em Chromecast, qual o futuro do dispositivo?
O que acontecerá com o Chromecast, o pequeno dispositivo que permite transferir para a TV o vídeo a música e qualquer conteúdo web acessado em seu computador ou seu dispositivo móvel, que acaba de chegar ao mercado brasileiro? Vai acabar? De modo algum. Ele também será atualizado.
Entre os novos recursos estará a capacidade transferir conteúdos para a TV sem a necessidade de ter todos os aparelhos (computador, smartphone ou tablet) na mesa rede WiFi. E também o possibilidade de espelhamento de da tela do seu telefone ou tablet Android para a tela da TV. Antes o recurso só era possível para a tela do computador (notebook ou desktop, rodando o navegador Chrome). O aparelho ganhou ainda um modo de visualização chamado Backdrop, que transforma a TV em uma espécie de porta-retratos.




Fonte: Pcworld

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Deal abre 25 vagas para analistas de TI na região Sul



Oportunidades são especialistas em Java, C++, SAP, Unix e Linux para atuação na cidade de Curitiba (PR)

O Deal Group – integrador full provider de Tecnologia da Informação, anuncia a abertura de 25 vagas para profissionais de TI, que atuarão em diversas regiões de Curitiba, no Paraná. 
As oportunidades são para analistas de sistemas (Java, C++, SAP), analista de testes e analista de suporte Unix/Linux. Os candidatos devem encaminhar curriculum até o final de junho para: gisele.maria@deal.com.br 
Fundado em 2004, o Grupo Deal é nacional formado por empresas provedoras de serviços especializados em Tecnologia da Informação, Consultoria e Integraçãode Sistemas e Inovação. 
A Deal atua também no recrutamento e seleção de executivos, além da oferta de profissionais técnicos especializados. Nos Estados Unidos, onde abriu sua primeira filial internacional, o Grupo Deal também atua como consultoria de TI.

Fonte: Computerworld

terça-feira, 24 de junho de 2014

Após falha, Brasil e China voltam a trabalhar em novo satélite




No final do ano passado, os dois países falharam na construção do equipamento Cbers-3.


A Odebrecht Defesa e Tecnologia (ODT) e sua controlada Mectron embarcaram para a China o terceiro modelo de voo do gravador digital de dados (DDR) para o Satélite Sino-Brasileiro de Recursos Terrestres CBers-4, encomendado pela Agência Espacial Brasileira (AEB/MCTI) e pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), ligada ao Ministério de Ciências, Tecnologia e Inovação (MCTI).
É o primeiro equipamento deste tipo a ser completamente desenvolvido e fabricado no Brasil. O DDR concebido é responsável pelo armazenamento das imagens terrestres captadas pelas câmeras do satélite.
No final do ano passado, o satélite Cbers-3, desenvolvido pelo Brasil e a China, não foi posicionado na órbita prevista. Avaliações preliminares da equipe de engenheiros chineses indicam que o equipamento retornou ao planeta. 
Na China o equipamento será integrado ao novo satélite, previsto para ser lançado no início de dezembro. O DDR é composto por duas unidades: o SRR, um gravador de estado sólido, com cinco canais para dados de imagem e com capacidade de armazenamento de imagens digitais de 40 Gbytes, e o DSS, uma unidade de chaveamento de sinais.
*Com informações da Agência MCTI

Fonte: Computerworld


segunda-feira, 23 de junho de 2014

Como aumentar a motivação de profissionais das gerações Y e Z



Esses talentos mudam muito de emprego e o maior desafio das empresas é saber como lidar com esses jovens criativos. Especialistas dão dicas de como mantê-los entusiasmados.


Diminuir o turnover é hoje um dos maiores desafios dos gestores que lidam diretamente com as gerações Y e Z. Esses novos talentos pensam diferente, trabalham mais em projetos e acham que tudo na carreira acontece rapidamente. As empresas precisam saber como lidar com esses jovens cheios de criatividade, mas que mudam com muita facilidade de emprego. 
Para Maurício Sampaio, educador, palestrante, escritor, coach e fundador do InstitutoMS, manter essa turma motivada no trabalho enquanto o mundo abre muitas oportunidades é uma tarefa complexa. Por isso, sua recomendação é a de que as organizações tracem estratégias para aumentar o entusiasmo desses jovens.
"Quando falo em motivação, não me refiro só a aquela injeção de ânimo, mas sim a algo que transforme e engaje os mais novos nos desafios e nas conquistas da empresa ou equipe", assinala o consultor.
Como educador e orientador vocacional que vem acompanhando todas essas mudanças, Sampaio descobriu que existem cinco estratégias que um líder pode aplicar para minimizar essa dor. Porém, ele próprio ressalta que nenhuma delas funcionará se o líder não der um tempo para seus liderados.
Veja a seguir as cinco recomendações de Sampaio:
1 - Fazer avaliações consistentes
Algumas empresas investem em testes padronizados. Tudo bem, vale a pena. Mas vale ainda mais quando um líder senta ao lado de um jovem e realiza a avaliação em conjunto, orientando, ouvindo, sendo parceiro dele.
Talvez essa seja uma das grandes oportunidades de, além de criar um laço de confiança, descobrir as habilidades, o talento, o propósito de vida desse liderado e criar um plano de carreira mais assertivo.
Durante o processo, muitas coisas importantes são descobertas, inclusive no que a empresa e seus líderes devem investir força no desenvolvimento e treinamento.
2 - Descobrir os desejos de cada um
Muitos líderes apostam nos desejos dos seus liderados. A geração Y, por exemplo, é conhecida por querer subir rapidamente na empresa, ter bom salário e qualidade de vida... Ok, mas minha pergunta é: será mesmo que os jovens talentos desejam o que o líder acredita ou imagina? Só tem um jeito de saber - e não é somente perguntando a eles!
Um bom mentor, ou líder que atue como coach de carreira de jovens profissionais, deve ter um tempo reservado para ajudá-los a descobrirem realmente o que desejam - e isso nem sempre é claro para os mais jovens. 
3 - Definir metas e objetivos
Se você perguntar para qualquer jovem insatisfeito com a empresa, ou que onstantemente mude de emprego, uma boa parte dirá que sua grande insatisfação é não ter noção do seu futuro na organização e não entender como dar os passos certos para alcançá-lo.
Isso acontece porque muitos líderes adotam uma única meta: vender cada vez mais. Só isso não funciona. Vender mais e ter resultados todos já sabemos que são objetivos importantes e vitais. Mas são o fim de um processo, e não o meio. O meio deve ser bem trabalhado, com metas específicas, claras, tangíveis e bem determinadas.
Por exemplo: se o líder possui em sua equipe alguns liderados que não se relacionem bem ou sejam tímidos em apresentações, ele deve investir esforços em desenvolver a habilidade de comunicação desses colaboradores. 
Essa é uma meta de desenvolvimento de habilidade considerada “Soft Skills”, ou seja, uma habilidade que não é técnica e que merece uma atenção focada. E, obviamente, se bem trabalhada surtirá efeito nos resultados finais.
4 – Repetir e criar hábitos produtivos
Estudos demonstram que para um novo hábito ou uma nova ideia passem a integrar o nosso subconsciente é preciso repeti-la por, no mínimo, 21 dias seguidos. E isso serve para o líder, que precisa mudar seus hábitos em relação ao acompanhamento e desenvolvimento de jovens talentos e, claro, para os novatos que estão em sua equipe.
Não ache e nem acredite que existam coisas que funcionam do dia para noite. Algumas estratégias podem iniciar um processo de mudança rápido, porém, não efetivo.
Então a dica é repetir e tornar esse modelo sistematizado, ou seja, seu acompanhamento não pode acontecer somente uma vez por mês. Deve, no mínimo, ser realizado semanalmente. E nas primeiras semanas de implementação,  um acompanhamento mais próximo, estruturado, deve acontecer todos os dias.
5 - Promover pontos de contato
Somente conversar algumas horas por semana também não é o bastante. Muitas empresas já se deram conta disso e estão, cada vez mais, investindo em áreas de convivência, em grupos de discussões de novas ideias, em comunidades fechadas no Facebook, em viagens de lazer em grupo, em almoços e jantares com o CEO.
Talvez, lendo isso, muitos líderes pensem que essas dicas demandarão muito esforço e tempo. E é isso mesmo. Esse é o novo caminho, o novo cenário para quem deseja conquistar vitórias e resultados expressivos.
Tudo é uma questão de implementar um novo hábito.



Fonte: CIO Tecnologia, Carreira, Terra.

AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia