Google+

Tradutor

sábado, 13 de dezembro de 2014

Queda do Pirate Bay: fique atento a links falsos



No início da semana, uma ação da polícia sueca confiscou os servidores do Pirate Bay e tirou do ar a maior página de compartilhamento de conteúdo pirateado. Foi a pior queda desde 2006, quando aconteceu a primeira investida policial.

Na tentativa de reaver o acesso, usuários circularam na internet alguns links extra-oficiais que espelham conteúdo antigo e não permitem novos uploads. São eles, publicados originalmente no fórum Reddit:
http://thepiratebay.ee/ - Se auto-intitula a “Ressurreição do Pirate Bay”. Na prática, não funciona. O site apenas tenta fazer dinheiro indexando páginas disponíveis no cachê do Google.

http://thepiratebay.cr - Site espelha o conteúdo antigo. Com muita propaganda, são poucos os relatos de downloads efetuados com sucesso por aqui. Sua é origem desconhecida.

http://piratebay.ee – Primeira alternativa criada para acesso ao serviço do Pirate Bay, e que teve funcionalidade comprovada por usuários. Já foi retirado do ar.

Fonte: Olhardigital.

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

" I thank whatever gods may be " " I am the master of my fate: " " I am the captain of my soul. "



Out of the night that covers me,
Black as the pit from pole to pole,
I thank whatever gods may be
For my unconquerable soul.
In the fell clutch of circumstance
I have not winced nor cried aloud.
Under the bludgeonings of chance
My head is bloody, but unbowed.
Beyond this place of wrath and tears
Looms but the Horror of the shade,
And yet the menace of the years
Finds and shall find me unafraid.
It matters not how strait the gate,
How charged with punishment the scroll,
I am the master of my fate:
I am the captain of my soul.
Invictus
William Ernest Henley
Tradução
Dentro da noite que me rodeia
Negra como um poço de lado a lado
Agradeço aos deuses que existem
por minha alma indomável
Sob as garras cruéis das circunstâncias
eu não tremo e nem me desespero
Sob os duros golpes do acaso
Minha cabeça sangra, mas continua erguida
Mais além deste lugar de lágrimas e ira,
Jazem os horrores da sombra.
Mas a ameaça dos anos,
Me encontra e me encontrará, sem medo.
Não importa quão estreito o portão
Quão repleta de castigo a sentença,
Eu sou o senhor de meu destino
Eu sou o capitão de minha alma.

‘Invictus’ é um pequeno poema vitoriano de autoria do poeta inglês William Ernest Henley. Foi escrito em 1875 e era o quarto de uma série de poemas intitulados ‘Life and Death (Echoes)’. Originalmente ele não possuía título e as primeiras edições continham apenas a dedicatória ‘To R. T. H. B.’ uma referência a Robert Thomas Hamilton Bruce, um escocês mercador de farinha e padeiro de sucesso e também um mecenas literário.

Quando aprisionado em Robben Island, onde cumpria pena de trabalhos forçados, o líder sul-africano, símbolo da luta contra o Apartheid, encontrou nas palavras de Henley a esperança e a força necessárias para manter-se vivo. Mandela conta que toda vez que começava a esmorecer, lia e relia o texto, em busca de um "companheiro" para a dor 

Nelson Rolihlahla Mandela (Mvezo, 18 de julho de 1918 – Joanesburgo, 05 de dezembro de 2013), ou Madiba (título e nome concedido pelos anciãos do clã de Mandela ao seu nascimento e o nome pelo qual é chamado pelo povo sul-africano) foi um advogado, líder rebelde e presidente da África do Sul de 1994 a 1999, considerado como o mais importante líder da África Negra, ganhador do Prêmio Nobel da Paz de 1993 e Pai da Pátria da moderna nação sul-africana.

" I thank whatever gods may be "  " Agradeço aos deuses que existem "

" I am the master of my fate: "   " Eu sou o senhor de meu destino "

" I am the captain of my soul. "   " Eu sou o capitão de minha alma. "


Fonte: Jornalggn.

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Smartphone modular promete durar 10 anos




Quem já adotou o smartphone na sua vida sabe que infelizmente, um aparelho do tipo tem curta duração de pleno funcionamento, seja pelos updates de sistema operacional, bateria esgotada ou novas tecnologias que surgem.
Contudo, isso promete mudar em breve graças aos smartphones modulares. Depois doProject Ara, do Google, surge agora o PuzzlePhone, um aparelho modular que promete durar até 10 anos.


Criado pela finlandesa Circular Devices, o dispositivo possui três modulos: a espinha, o coração e o cérebro.

A espinha é a parte central do smartphone e contém os botões físicos, monitor LCD, alto-falantes e microfone. Já o coração contém a bateria e outros componentes eletrônicos. Por fim, o cérebro, como o nome diz, é responsável pelo funcionamento do PuzzlePhone e por isso, abriga o processador e também a câmera.
Com design aberto e rodando Android, a companhia espera que o protótipo se torne realidade em 2015. Confira abaixo um vídeo conceitual do PuzzlePhone:



Fonte: OlharDigital.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014

TV deve 'morrer' em 2030, prevê CEO da Netflix - "o cavalo era bom até que surgiu o carro"



Reed Hastings, o CEO da Netflix, acredita que a TV não tem muito tempo de vida. Para o executivo, o formato deve perder cada vez mais espaço para o streaming de vídeos nos próximos anos. “Você sabe: o cavalo era bom até que surgiu o carro", comparou em evento realizado no México. "A TV, provavelmente, vai sobreviver até 2030", aposta.
O executivo destacou o crescimento do serviço na América Latina, um dos mercados mais promissores para a empresa. Em 4 anos, a Netflix conquistou mais de 5 milhões de usuários. “A América Latina é uma das áreas de mais rápido crescimento no mundo em termos de banda larga e conectividade com a internet", disse.
Para garantir que seus planos se concretizem, Hastings informa que a companhia trabalha para garantir o licenciamento global de seu conteúdo. Atualmente, clientes dos Estados Unidos têm acesso a um catalogo muito maior do que usuários de outros países, como o Brasil.

Fonte: OlharDigital.

domingo, 7 de dezembro de 2014

Pulseira projeta tela do smartphone no pulso




Cicret Bracelet é um protótipo de pulseira que promete ajudar quem não consegue desgrudar do smartphone e do tablet até nas situações mais improváveis, como a hora do banho. O bracelete projeta no pulso do usuário a tela do dispositivo e permite que qualquer aplicação seja acessada.


O equipamento funciona assim: há um acelerômetro e oito pequenos sensores capazes de identificar os toques na pele e a posição dos dedos do usuário, oferecendo uma resposta adequada aos controles. Para ativar o projetor basta “girar” o pulso com o punho cerrado.
A pulseira é impermeável e conta com entrada USB, cartão de memória, sensor de proximidade e conexão WiFi e Bluetooth. Para garantir que o usuário não perca nenhuma notificação, ela traz também um vibrador embutido. A princípio o produto será compatível apenas com o sistema operacional Android.

A ideia dos desenvolvedores é produzir versões de 16 e 32 GB em dez cores diferentes e dois tamanhos de pulso.
Não há previsão de lançamento do bracelete nem estimativa de preço. Para desenvolver o projeto, a empresa precisa de R$ 2,2 milhões e pede a doação de pessoas interessas na ideia. Por enquanto, apenas 11% do valor foi arrecadado. Quem se interessou pode contribuir aqui.

Fonte: OlharDigital.

sábado, 6 de dezembro de 2014

Conheça os 10 celulares Android mais potentes do mundo


Você talvez conheça o AnTuTu, um aplicativo que avalia o poder de processamento de seu aparelhos Android e faz uma comparação com vários outros modelos para determinar qual é o aparelho mais potente. A empresa por trás do app revelou nesta segunda-feira, 17, o ranking dos celulares mais rápidos do mercado no trimestre entre julho e setembro deste ano.
Para determinar os resultados, foram considerados testes de pelo menos 160 países com o mesmo modelo. No caso de um celular ter processadores diferentes (como é o caso do Galaxy Note 3, que tem várias versões pelo mundo), foi considerado o chip com melhor desempenho.

Como é possível perceber, há algumas surpresas, que o próprio AnTuTu faz questão de ressaltar. É incrível como as empresas chinesas estão se saindo bem, com a liderança tomada pelo Meizu MX4 e outras quatro posições tomadas por aparelhos fabricados por marcas que simplesmente ainda não são populares no Ocidente.
Além disso, também é interessante ressaltar que a Qualcomm, que fabrica os processadores de quase todos os smartphones de alto desempenho, ficou fora do topo da lista. Isso porque o MX4 usa o chip MTKMT6595, da MediaTek, que normalmente produz os processadores usados em aparelhos mais baratos.

Fonte: OlharDigital.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Intel disponibilizará na internet software de fala usado por Hawking


O sistema que ajuda a Stephen Hawking se comunicar com o mundo exterior será disponibilizado na internet a partir de janeiro
O sistema que ajuda a Stephen Hawking se comunicar com o mundo exterior será disponibilizado na internet a partir de janeiro, em um movimento que poderá ajudar milhões de pessoas que sofrem de doenças neuromotoras, anunciaram cientistas nesta terça-feira (3).
O físico teórico de 72 anos, que fez fama internacional na década de 1980 com o livro Uma Breve História do Tempo, saudou a decisão da gigante da tecnologia americana Intel, em uma coletiva de imprensa em Londres.
"Tornando essa tecnologia livremente disponível, existe o potencial de melhorar significativamente a vida de pessoas incapacitadas por todo o mundo", disse Hawking, em declarações transmitidas pela voz robótica do seu computador.
"Sem isso, eu não poderia falar com vocês hoje", disse ele, que aos 21 anos foi diagnosticado com uma doença neuromotora relacionada com a esclerose lateral amiotrófica (ELA).
O sistema de comunicação será disponibilizado para pesquisadores na internet em código aberto, embora ainda tenha que ser adaptado para usuários individuais.
Hawking, que leciona na Universidade de Cambrigde, consegue digitar em seu computador usando um sensor na bochecha que é detectado por um interruptor infravermelho instalado em seus óculos, que o ajuda a selecionar os caracteres.
Seu sistema atual, desenvolvido pela Intel nos últimos três anos, reduz o número de movimentos necessários para soletrar palavras, além de lhe oferecer novas funções inéditas, como o envio de anexos por e-mail.
"A velocidade de digitação de Hawking é duas vezes mais rápida e há uma melhora dez vezes maior em tarefas comuns", informou a Intel em um comunicado.
A empresa britânica SwiftKey também digitalizou todos os trabalhos do físico teórico de modo a ajudar o computador a deduzir mais rápido o que ele está tentando dizer.
Hawking, que tem o corpo paralisado quase por completo, apresentou o novo sistema ao público pela primeira vez nesta terça-feira.
"A medicina não foi capaz de me curar, então eu conto com a tecnologia para ajudar a me comunicar e a viver", disse em comunicado à imprensa.
Tetraplegia e doenças neuromotoras afetam mais de três milhões de pessoas em todo o mundo.
"A tecnologia para pessoas com deficiência é, muitas vezes, um campo de testes para a tecnologia do futuro", afirmou Lama Nachman, pesquisadora sênior do Intel Labs.

Fonte: InfoExame.

quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Falsa corrente incentiva postar "declaração de privacidade" no Facebook




Nas últimas semanas, você muito provavelmente se deparou com amigos postando uma tal "declaração de privacidade" no Facebook. O texto afirma que com os novos termos de uso da rede social, o usuário quer reinvidicar sua "propriedade intelectual". O que muitos não sabem é que além de inválida, a corrente é um boato antigo.



Em 2012, o Facebook também anunciou mudanças em seus termos e por conta disso, um hoax pedia a mesma coisa, baseado na Convenção Berner e o Estatuto de Roma. Como explicou a Agência Brasil na época, o texto surgiu após a rede social anunciar a compra do Instagram, o que fez com que usuários temessem que suas fotos fossem usadas para fins comerciais sem autorização.

Termos de uso: você concordou com ele 
Mas afinal, por que postar isso não muda em nada? Em primeiro lugar, ao criar uma conta no Facebook, o usuário concorda com os termos de uso e política de privacidade. Caso eles mudem enquanto utiliza o serviço e a pessoa não concordar, ela pode desativar seu perfil.
Pelos termos atuais, o Facebook reconhece que você é dono de todas as suas informações e tem como controlar o que compartilhar, no entanto, ele afirma que ao publicar algo, você concede automaticamente uma licença para que a rede social use o conteúdo. Quando uma foto, vídeo ou outra publicação é deletada, essa licença se extingue para esse conteúdo.
Além disso, seu nome, idade, imagem de perfil, interesses e outros dados demográficos são usados em conteúdos comerciais como posts patrocinados ou até mesmo no Atlas, ferramenta de adserver do Facebook.

Estatuto de Roma não diz nada sobre privacidade 
Por fim, o Estatuto de Roma, citado no texto de 2014, não diz nada a respeito de privacidade. O tratado internacional de 1998, foi assinado por países como o Brasil, porém, estipula o Tribunal Penal Internacional, que por sua vez, estabelece quatro crimes internacionais: genocídio, crimes conta a humanidade, crimes de guerra e de agressão.
Já em relação à sigla UCC 1 1-308-308 1-103, que está relacionada à Convenção Universal de Corypright, mesmo se for um artigo existente, deixa de valer no Facebook por conta dos termos de uso, concordados pelo usuário no momento que ele entra na rede.

Fonte: OlharDigital.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Saiba quando sua operadora vai cortar a internet móvel



A chamada velocidade reduzida nos planos de internet móvel está com os dias contados no Brasil. Nos últimos meses as principais operadoras de telefonia do país anunciaram que vão passar a cortar o sinal quando o usuário atingir o limite da franquia contratada.

Segundo as empresas, a medida proporciona experiência mais fiel em relação à internet contratada. Na prática, a velocidade entregue é inferior à descrita em contrato na maior parte do tempo. O novo formato de cobrança entra em vigor a partir deste mês para a maior parte dos clientes.
A Anatel diz que a adoção do novo formato respeita as normas do setor (modelo semelhante já funciona na Europa e nos Estados Unidos). A partir de agora, ao atingir o valor estipulado, o cliente receberá ofertas de “miniplanos” adicionais para continuar acessando a rede. Caso não aceite, o sinal será cortado e restabelecido no início da franquia do mês seguinte.
Confira a data em que sua operadora vai alterar as regras de fornecimento de internet:
Vivo
A Vivo começou a testar o novo formato no começo de novembro em linhas pré-pagas de Minas Gerais e do Rio Grande do Sul. Ao atingir 80% da franquia, o cliente recebe um SMS de aviso e quando chega a 100%, uma oferta de pacote adicional de 50 MB válida por 7 dias pode ser contratada por R$ 2,99. O formato deve ser estendido a outras regiões e aos clientes de planos pós-pagos nos próximos meses. 
Claro
A Claro informou que vai seguir o novo modelo a partir de 28 de dezembro. Serão oferecidos pacotes de 10MB, 20MB e 40MB, além de pacotes mensais de 225 MB e 450 MB.
Oi
A nova regra passa a valer em 8 de dezembro. A partir desta data, os pacotes de internet para celulares com renovação automática terão a navegação interrompida após às 23h59 do dia do término da franquia.

TIM

Única operadora que não confirmou a adoção do novo modelo, a TIM nega planejar reajustes mas diz apoiar mudanças de tarifação de dados móveis.

Fonte:OlharDigital.

terça-feira, 2 de dezembro de 2014

Publique no perfil de seu Facebook, com opção Pública de visualização para que seus dados não sejam usados por terceiros

Bom dia a todos os leitores,

Sugiro que publiquem em seus perfis do Facebook, com a opção de visualização pública ou se preferir, copiar e colar esta versão. Se você não publicou esta declaração pelo menos uma vez, estará tacitamente permitindo o uso de elementos como suas fotos, bem como a informação contida na atualização de seu perfil.

Como o Facebook optou por incluir um software que permitirá a utilização da minha informação pessoal. Declaro hoje 27 de novembro de 2014, em resposta as novas orientações do Facebook e baseado nos artigos l. 111, 112 e 113 do código da propriedade intelectual, declaro que os meus direitos estão unidos a todos os meus dados pessoais, desenhos, pinturas, fotos, textos, etc. publicados no meu perfil. Para a utilização comercial disto se exige o meu consentimento por escrito a qualquer momento. O mesmo se aplica a todas as páginas de que sou responsável.
Digo para o Facebook que está estritamente proibido divulgar, copiar, distribuir, difundir ou tomar qualquer outra ação contra mim com base neste perfil e/ou seu conteúdo. As ações acima referidas são aplicadas igualmente aos trabalhadores, estudantes, agentes e/ou funcionários do Facebook.O conteúdo do perfil inclui informação privada. A violação da minha privacidade é punida por lei . O Facebook agora é uma entidade de capital aberto.



segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Hackers vazam filmes inéditos da Sony



O ataque hacker contra a Sony Pictures entrou em uma nova fase no final de semana, após quatro filmes inéditos da empresa serem vazados na internet.
De acordo com o jornal Variety, os vídeos foram retirados de DVDs screeners, versões enviadas para críticos de cinema ou eleitores de premiações.
Entre os filmes, quatro ainda não foram lançados nos cinemas mundiais: AnnieMr. TurnerPara Sempre Alice e To Write Love on Her Arms (ainda sem título em português).
Além deles, Coração de Ferro, filme de Brad Pitt lançado nos Estados Unidos em novembro e ainda inédito no Brasil, também foi vazado em sites de compartilhamento de arquivos.
"O furto de conteúdo da Sony Pictures Entertainment é um assunto criminal e estamos trabalhando junto com as autoridades legais para resolver isso", afirmou a Sony em um comunicado.
De acordo com o site Re/code, a Sony investiga se a invasão ao sistema da empresa possa ter sido feita pelo governo da Coreia do Norte.
O país asiático protestou contra o lançamento de A Entrevista, filme com James Franco e Seth Rogen. Na história, dois jornalistas são enviados para a Coreia do Norte com a missão de assassinar Kim Jong-Un, o líder supremo do país.
Ainda não há evidências concretas de que o governo norte-coreano esteja por trás do ataque, mas fontes ligadas à Sony afirmam que existe uma "grande probabilidade" de que o país esteja ligado à invasão.

Fonte:InfoAbril.

domingo, 30 de novembro de 2014

10 atitudes que podem estar impedindo sua felicidade





Felicidade é um termo muito abrangente e subjetivo e, muitas vezes, difícil de ser explicado.


Os motivos pelos quais uma pessoa é feliz ou infeliz são relativos, mas eu acredito que muitos deles venham das conquistas, realizações pessoais e da satisfação com a própria vida ou da falta de tudo isso.
Acho que todo mundo conhece alguém que está sempre insatisfeito, reclamando e infeliz, não é?
Depois de um tempo estudando sobre felicidade e observando pessoas que estão sempre reclamando da vida ou deprimidas – não considerando aquelas que muitas vezes têm razões legítimas para isso – eu identifiquei algumas caraterísticas comuns entre a maioria delas.
As pessoas infelizes geralmente:

1. Não assumem o controle da própria vida

Uma frase que traduz isso é a famosa “eu não tenho escolha” como justificativa para tudo aquilo que faz a vida dessas pessoas infeliz, seja um trabalho que elas odeiam ou filhos para sustentar.
O que elas muitas vezes não entendem é que não ter escolha é uma escolha. Aturar o chefe mala e chorar todos os dias antes de ir para o trabalho é uma escolha. Elas estão escolhendo ter o dinheiro, estabilidade ou qualquer outra coisa que esse trabalho proporciona em detrimento da sua possível liberdade ou de uma nova carreira.
Se você não tem coragem de mudar aquilo que faz com que a sua vida não seja do jeito que você quer, apenas aceite que você fez uma escolha e tente ser feliz com ela. Tente olhar para o lado positivo daquela situação que você se encontra, como ter o sossego da estabilidade financeira quando se tem um emprego.
Não estou falando em pensar positivo ou ser falsamente otimista, mas em ser verdadeiramente grato pelo benefício que toda escolha (por pior que seja) também proporciona.

2. Desistem antes mesmo de tentar

As pessoas que se consideram infelizes geralmente assumem que elas não sabem ou não conseguem fazer algo, muitas vezes sem tentar ou depois de ter falhado uma única vez.
São aquelas que simplesmente aceitam o fato de não serem boas com números ou trabalhos manuais, de não saberem cozinhar ou de que nem adianta pensar em abrir um negócio X ou Y porque já existem outras pessoas bem sucedidas naquelas áreas e não tem mais espaço para elas.
Uma coisa é não querer aprender ou fazer algo porque você não gosta, até aí, tudo bem. O problema é que muitas vezes elas não querem (ou não conseguem) assumir isso e ficam criando barreiras e desculpas que justifiquem o fato de elas não terem motivação sequer para tentar.
Perfeição e talento vem da prática. Se existe algo que você gosta e quer muito fazer, faça! Faça isso todos os dias. É a única maneira de saber se vai dar certo ou não. Inventar desculpas antes de tentar é exatamente o que te afasta do sucesso.

3. Comparam-se excessivamente com outras pessoas

Uma das coisas que mais faz o ser humano infeliz, na minha opinião, é se comparar com os outros. Quando você se compara com alguém, você deixa de olhar para fatores, nem sempre óbvios, que colocaram aquela pessoa com quem você se compara no lugar onde ela está.
Por mais que você ache que o sucesso, a beleza ou seja lá o que for, tenha vindo de forma fácil, você não estava na pele dela para saber e não tem o direito de julgar.
É preciso entender que cada um é merecedor do que tem, seja para o bem ou para o mau, mesmo que você não consiga enxergar o motivo.

4. Não lidam bem com adversidades

Uma das descobertas mais interessantes dessa pesquisa sobre felicidade foi que as pessoas mais felizes são aquelas que sabem como lidar com as adversidades da vida.
É impossível viver uma vida toda evitando problemas ou coisas negativas que possam nos acontecer. O que algumas pessoas não entendem é que tentar jogar para baixo do tapete ou fingir que não está acontecendo também não vai fazer com que elas sejam mais felizes.
Tudo o que nos acontece é sim uma oportunidade para aprendermos. Não adianta achar que a vida é injusta ou tentar encontrar culpados em vez de entender o porquê estamos passando por aquela situação tão desagradável e o que podemos fazer para que aquilo não se repita ou não nos abale tanto.
Ser feliz não significa nunca chorar ou não ter problemas e sim, não se deixar abater e acreditar que amanhã é sempre um novo dia e uma oportunidade para fazer melhor.
5. Não têm um objetivo de vida
Elas podem ter sonhos, mas esses raramente são transformados em um objetivo claro e concreto e, por isso, acabam quase nunca sendo realizados.
As pessoas sem um objetivo vivem como se estivessem em um barco à deriva. Por mais que passem o dia todo navegando pelo mar, não chegam a lugar algum ou, quando chegam, não é onde queriam estar.
São os nossos objetivos que determinam a forma com que usamos o nosso tempo e se as nossas escolhas estão nos levando para perto dele ou não. Cada dia vivido sem um objetivo é um dia desperdiçado.
Se você se sente perdido e sem propósito, comece com coisas pequenas. Escolha um objetivo de curto prazo e faça de tudo para alcança-lo. Quando você consegue conquistar algo, isso te motiva e faz você querer perseguir novos objetivos! Quem sabe no meio dessas pequenas conquistas você não encontra o propósito da sua vida?

6. Vivem em estado de inércia

A inércia também é uma consequência da falta de objetivo. Quem não sabe para onde ir, geralmente não sai do lugar. De novo, não adianta ter grandes sonhos e fé seja lá no que for, mas não levantar a bunda do sofá para fazer com que as coisas aconteçam.
Quem está sempre esperando acaba frustrado, já que as melhores coisas da vida acontecem para aqueles que não esperam e sim, vão atrás do que querem.
Não adianta você sonhar em viajar o mundo, ter a sua casa própria ou o emprego dos sonhos se absolutamente nada do que você faz na sua vida te levam em direção a isso.

7. Não entendem o valor do tempo

Quem não tem objetivos claros e vive em inércia, geralmente não entende a importância do tempo.
Vamos lá, e se a gente começar a pensar no tempo dessa forma: para cada dia que alguém que não está satisfeito com a própria vida não faz nada para mudar essa situação, uma quantia de dinheiro deveria ser debitada da sua conta corrente, mesmo que ela não tivesse. Aposta quanto que ia ter muita gente desesperada por aí?
Por que o mesmo não acontece quando perdemos nosso tempo? O dinheiro sempre pode ser ganho novamente, o tempo perdido nunca mais poderá ser reposto, mas algumas pessoas ainda não se deram conta de que ele é o bem mais precioso que temos.
O tempo desperdiçado com coisas inúteis nos traz um prejuízo muito maior do que qualquer conta negativa.

8. São procrastinadores

Essa é outra característica de quem não valoriza o tempo. Essas pessoas olham para a vida como se ela fosse inesgotável. Elas não entenderam que começamos a morrer no dia que nascemos e cada dia que temos de vida é um presente, pois não sabemos quantos mais vamos ter.
Pense que tudo aquilo que você deixa para amanhã, pode nunca mais ser feito. Passe a viver cada dia como se fosse o último.

9. São apáticos

Quando pensamos em pessoas apáticas nos vem à cabeça quem não tem opinião sobre as coisas ou quem não está nem aí para nada. Mas, apáticos, também são aqueles que não querem abrir a sua cabeça ao novo, que enxergam as coisas de uma forma e acham que essa é a correta e são resistentes a qualquer tipo de mudança.
São pessoas que, mesmo sendo intelectualmente capazes, não se interessam em aprender nada que não esteja relacionado ao mínimo aceitável. Não leem e não fazem questão alguma de parecerem engajadas com nada. Mesmo em um mundo cheio de maravilhas, curiosidades e novidades aparecendo a cada minuto, elas encontram um jeito de se sentirem entediadas o tempo todo.

10. São impacientes

Por último, as pessoas infelizes tem grandes expectativas em relação a vida, mas fazem muito pouco para conseguirem o que tanto desejam. Elas sonham, mas não tem ambição. Elas querem o que o mundo tem de melhor, mas não entendem que nada acontece sem esforço, muito trabalho, persistência e paciência.
Estão sempre procurando um caminho mais rápido ou fácil já que não tem paciência para insistir naquilo que querem. É por isso que acabam frustradas e geralmente acham que talvez elas não tenham nascido para serem felizes.
As pessoas com essas características geralmente tentem a pensar que aqueles que são felizes, vivem uma vida incrível ou fazem coisas admiráveis são pessoas especiais ou extraordinárias.
A grande verdade é que a felicidade é uma decisão e deve ser tomada por todos nós diariamente. Ela é o resultado de um conjunto de pequenas coisas que, somadas, fazem com que tenhamos uma vida melhor e mais completa.
A sua felicidade é você que faz.
Fonte: Cloudcoaching.





sábado, 29 de novembro de 2014

Malware desenvolvido por país misterioso é descoberto



Pesquisadores da Symantec descobriram um malware sofisticado usado para espionar empresas de telecomunicação e que provavelmente foi criado por um governo nacional.
Apesar de ainda ter origem incerta, os Estados Unidos, Israel e China são alguns dos países suspeitos de ter criado o malware, chamado de Regin.
A pesquisa, publicada no domingo (22), foi feita pela mesma equipe da Symantec que descobriu e desmantelou a Stuxnet, considerada a primeira arma digital do mundo.
A Stuxnet teria sido criada pelos Estados Unidos e Israel para sabotar o programa nuclear do Irã.
De acordo com um post no blog da Symantec, o novo malware tem uma estrutura que revela um "grau de competência técnica raramente visto."
Os pesquisadores afirmam que o Regin possui uma série de competências que dão acesso a um “quadro poderoso de vigilância em massa” de sistemas.
O malware tem sido usado em uma operação de espionagem que começou em 2008, parou subitamente em 2011, e então voltou a funcionar em 2013.
As invasões foram feitas contra organizações governamentais, empresas, pesquisadores e pessoas físicas.
A sofisticação do Regin e o investimento necessário para criá-lo dão a entender que ele foi desenvolvido por um Estado, segundo os pesquisadores da empresa.
Quase 100 infecções com o Regin foram feitas, a maioria delas (52%) na Rússia e Arábia Saudita. China e Estados Unidos não foram atingidos.
As outras invasões aconteceram no México, Irlanda, Índia, Afeganistão, Irã, Bélgica, Áustria e Paquistão.
A Symantec descobriu o Regin após clientes da empresa descobrirem partes dele em seus sistemas e enviarem o código para análise.
Os ataques do Regin acontecem em sistemas que rodem o Windows e acontecem em cinco estágios, sendo que apenas o primeiro deles é detectável.
Após ele abrir a porta para as próximas etapas, cada uma delas é encriptada e executa a fase seguinte.
Quase metade das invasões aconteceu em provedores de internet, cujos clientes eram os alvos dos ataques. Outras empresas atacadas incluem telefônicas, empresas de energia, linhas aéreas e institutos de pesquisa.
Ainda não se sabe como o malware se espalha de um computador para o outro.
Em um dos casos, a infecção aconteceu pelo Instant Messenger do Yahoo. Em outros, as vitimas entraram em versões falsas de sites conhecidos. Mas os pesquisadores não conseguem chegar a uma conclusão de como o vírus se propaga de um sistema ao outro.

Fonte: Info.abril.

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Intel anuncia PC minúsculo do tamanho de um pendrive



A Intel está encolhendo os PCs para “sticks de computação” do tamanho de um polegar que serão lançados no ano que vem.
Esse stick será plugado em uma smart TV ou monitor “e levar inteligência para esse aparelho”, afirmou o VP sênior e gerente geral de PCs da Intel, Kirk Skaugen, durante uma conferência de investidores da empresa na Califórnia.
Um aparelho do tamanho de um pendrive foi mostrado no palco, mas suas capacidades não foram demonstradas. Skaugen afirmou que os aparelhos serão uma extensão para laptops e mini-desktops, que possuem processadores Core de desktop em pequenos computadores portáteis.
Skaugen comparou o dispositivos a PCs minúsculos oferecidos por fabricantes de PC com Android e processador ARM, como o Wyse Cloud Connect, da Dell.
Aparelhos desse tipo obviamente não possui capacidade de armazenamento interno, mas podem ser usados para acessar arquivos e serviços na nuvem.  O Wyse Cloud Connect, por exemplo, tem Wi-Fi e Bluetooth.
O mercado para aparelhos desse tipo está na casa das dezenas de milhões de unidades, aponta o executivo, lembrando ainda que o aparelho da Intel levará processadores x86 para designs de computadores sem ventiladores.
A Intel produz processadores Atom de baixo consumo para aparelhos móveis, que poderiam caber em PCs do tamanho de um polegar.
Também é provável que a Intel esteja de olho em colocar seus processadores em sticks de TV como o Google Chromecast e o Amazon Fire TV, que estão crescendo em popularidade.
Fonte: Pcworld.

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Com fabricação nacional, câmera da GoPro fica mais barata



A GoPro anuncia que passará a fabricar câmeras no Brasil. O modelo HERO3+ Black Edition, primeiro da série a nascer aqui, estará disponível esta semana com preço sugerido de R$ 1.700 nas principais redes varejistas, até 30% mais barato. Nos EUA, o produto é vendido por US$ 400.
A HERO3+, com 12 megapixles, tem capacidade de definição de até 2.7K em 30 quadros por segundo e taxa de 60 frames por segundo executados em 1080 pixels de definição. Recursos como SuperView (para registros panorâmicos) e Auto Low Light (para ajustes de iluminação) facilitam a captura de imagens.
A câmera vem acompanhada de software de edição de vídeo para computadores, o GoPro Studio, e o aplicativo GoPro App, para compartilhamento instantâneo de fotos e vídeos via dispositivos móveis.  

Fonte: Olhar digital.

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

7 cursos online gratuitos de TI




Aprender coisas novas ou aperfeiçoar conhecimentos é sempre bom. Big data, software open source, segurança são frentes demandas pelos departamentos e empresas de TI em um futuro breve. Felizmente, há algumas aulas grátis em plataformas abertas de ensino online (MOOCs, na sigla em inglês) que podem ajudá-lo no processo de educação continuada. 
Listamos sete cursos interessantes de boas universidades e que começarão nos próximos meses para que você dê um upgrade no seu currículo. Basta logar-se, dedicar-se um pouquinho e começar a aprender. 
Data de início: 1º de dezembro de 2014
(Nota: nesse curso, ativo há um ano, você estabelece seu ritmo de estudo. O programa que se inicia em dezembro terá atualização do material de leitura.)
O que contempla: no curso é possível explorar ferramentas analíticas baseadas em nuvem para processamento de grandes volumes de dados. Ministrado pelo professor da Universidade de Indiana, Geoffrey Fox, abrange desde infraestrutura em nuvem até algoritmos de big data, discute como resolver problemas em diversas áreas e aplicações para e-commerce, saúde, coleta de dados, bem como mineração de texto e busca web. 
Detalhes: 24 horas de aulas distribuídas em 12 seções (das quais três são opcionais) além de dever de casa. A dinâmica contempla o uso de fóruns em comunidades no Google+ e Hangouts para interação entre estudante e instrutores. 
Data de início: 5 de janeiro de 2015
O que contempla: trata-se de uma parte da especialização em cibersegurança da Universidade de Maryland e baseia-se na premissa de que a segurança começa no desenho do hardware. Nas aulas, há exames de estudos de caso que mostram como isso ocorre na prática. O objetivo das classes é que os estudantes compreendam vulnerabilidades e se familiarizem com ferramentas que ajudem a construir uma solução confiável. 
Detalhes: as classes se desenrolam por seis semanas, com dedicação entre três a cinco horas de aula por semana. Caso prefira, por US$ 49, o estudante que concluir o curso ganha um certificado verificado pela instituição de ensino. 
Data de início: 6 de janeiro de 2015
O que contempla: essa é a segunda parte um curso de um semestre oferecido pela Universidade da Califórnia. Na parte um, os estudantes desenvolvem uma aplicação SaaS simples. Nesse estágio, é possível criar uma ferramenta mais sofisticada incorporando modelos de relacionamento e JavaScript. Também usa técnicas de desenvolvimento ágil. 
Detalhes: curso demanda um período estimado de 12 horas de trabalho por dia. Há alguns pré-requisitos como Rails, BDD e TDD. É possível acessar o material da primeira parte do curso para ter certeza de que não se perderá nada. 
Data de início: 12 de janeiro de 2015
O que contempla: ministrado por professores da Universidade de Illinois, esse curso começa com uma introdução à programação paralela e computação heterogênea – isso é, sistema que usa mais de um tipo de processadores. Baseado na premissa de que o uso efetivo de determinado sistema sempre dependerá de familiaridade com programação de baixo nível, os estudantes começam usando CUDA C para aprender as primeiras tarefas. A medida que as aulas avançam, outras linguagens são introduzidas, como OpenCL, OpenACC e C++AMP.  
Detalhes: pede-se que quem quiser cursar tenha algum conhecimento/experiência em C/C++. As aulas se estendem por nove semanas e requerem um tempo estimado entre seis e oito horas de estudo por semana. 
Data de início: 28 de janeiro de 2015
O que contempla: cobre algoritmos para padrão e tendências de dados tanto temporais quanto geoespacial e outras técnicas de visualização. Estudantes colaboram em projetos reais. Cada pessoa registrada para as aulas que se distribuem por 15 semanas ganha acesso aberto e gratuito a um banco de dados com 26 milhões de artigos, patentes e registros da Universidade de Indiana, e ao Sci², um kit de ferramentas que permite explorar e configurar tecnologias. 
Detalhes: materiais das turmas de 2014 ficaram disponíveis para serem usados a título de exemplo ao longo do mês de novembro. As classes de 2015 irão incorporar materiais atualizados, vídeos e elementos de gamificação para encorajar a participação dos alunos. 
Data de início: 23 de fevereiro de 2015
O que contempla: como o curso de segurança de hardware, essa classe é parte da especialização em cibersegurança da Universidade de Maryland. As aulas cobrem aspectos essenciais na construção de sistemas de segurança, a começar pelo exame de vulnerabilidades em softwares e na web, bem como pontos explorados por hackers. Os estudantes aprendem a prevenir ou ao menos reduzir causas de ataques. As aulas acabam com a análise de softwares de verificação e ferramentas de testes. 
Detalhes: fornecido pela plataforma Coursera, requer pelo menos cinco horas de trabalho distribuídas por seis semanas. 
Data de início: independente (aberto para começar a qualquer momento)
O que contempla: esse curso, oferecido pela Fundação Linux cobre tanto interfaces gráficas de usuários até o uso de linhas de comando, contemplando praticamente todas as linhas de distribuição Linux. Ao final das aulas, estudantes saem com sólido conhecimento das ferramentas e técnicas utilizadas por administradores de sistemas. 
Detalhes: demanda entre 40 e 60 horas de dedicação. 

Fonte: Computerworld.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

As 12 características das pessoas altamente criativas



As 12 características das pessoas altamente criativas
Por Ernesto Berg
Pessoas criativas têm várias características e qualidades específicas que as diferenciam bastante de indivíduos menos criativos. Certamente, o tipo e o grau de criatividade variam de um indivíduo para outro, e nem todas as pessoas criativas possuem uniformemente, e no mesmo nível, todas as características aqui enumeradas, mas todas têm facilidade de lidar com esses métodos e ideias por ser parte integrante de suas habilidades cotidianas. Além do que, conhecendo essas características e desenvolvendo-as conscientemente, todos nós acabaremos incorporando automaticamente esses atributos e habilidades às nossas competências profissionais e pessoais.

1. Abertura para o inconsciente
Nosso cérebro pulsa e emite vibrações contínua e regularmente. É composto por cerca de 100 bilhões de células nervosas, chamadas neurônios, que emitem pequenas correntes eletromagnéticas, as ondas cerebrais, as quais se alteram de acordo com nosso estado de consciência. O eletroencefalograma detecta perfeitamente essas ondas que sãop medidas em ciclos por segundo (CPS), ou Hertz.
Existem quatro categorias de ondas cerebrais: BetaAlfaTeta e Delta. Quanto mais alta a ciclagem por segundo, mais despertos estamos; é o estado Beta (13 a 40 CPS). Ciclagens mais baixas evidenciam estados menos ativos de consciência. O Alfa (8 a 12 CPS) é uma onda cerebral mais lenta, estável e rítmica. É o nível do estado mental de serenidade, paz e quietude. Ocorre durante o relaxamento induzido em estado de vigília – quando fechamos os olhos – e, também, quando praticamos visualização criativa, meditação e técnicas de auto-sugestão. A criatividade é fortemente despertada no nível Alfa porque, no estado de quietude por ele provocado, pensamentos e imagens antes impedidos de aflorarem por causa da agitação mental do estado Beta, ficam liberados e emergem até o nível consciente. É aquela ideia ou palpite que surge repentinamente e que dá certo; é o “eureca, achei!”; é o insight.

2. Base de conhecimentos essenciais.                                                       
Quanto mais ampla a faixa de conhecimentos em outras áreas, maior a capacidade criativa do indivíduo. Pessoas que se interessam por outros assuntos (ou que praticam outras atividades) além de suas atividades habituais levam grande vantagem criativa sobre as que não procedem assim. Você não pode retirar da sua mente o que não foi colocado antes lá dentro. A qualidade dos depósitos efetuados na nossa mente é que irá determinar a qualidade das ideias e insights que surgirão. Nenhum especialista ou profissional é capaz de fazer contribuições expressivas sem que tenha conhecimento de inúmeros outros assuntos paralelos à sua especialização. Sem estudo e aprendizagem contínuos em áreas diferentes, é impossível produzir resultados criativos ou inovativos, pois a criatividade é fortemente estimulada pelo conhecimento e vivência em outros campos de atividade, além dos da sua especialidade.
3. Capacidade de análise e síntese
A capacidade de fazer análises - e também de sintetizar - é uma habilidade típica de pessoas criativas. Embora a análise possa dar a impressão de ser algo não criativo, ela é uma fase fundamental do processo de concepção, pois permite avaliar problemas ou obstáculos e dividi-los em partes menores essenciais e enxergar a relação entre a parte e o todo. Indivíduos criativos dedicam muito tempo a análise e síntese de solução de problemas, porque dessas observações depende a qualidade das decisões criativas que serão tomadas, enquanto que pessoas menos criativas parecem querer “arrancar” a solução - sem perder tempo com análises -, antes mesmo de compreenderem a estrutura do problema ou do desafio.

4. Capacidade de perceber e solucionar problemas
Teorias, hipóteses e fatos poucas vezes estimulam a criatividade. O grande combustível da criatividade são as situações problemáticas, aquelas que requerem soluções que aparentemente não têm saída, ou situações difíceis de resolver. É aqui que se revela o diferencial da criatividade e que a torna tão especial através do uso de métodos lineares (isto é, lógicos) e intuitivos. As técnicas ESCUTAR, Quadro de Ideias, Brainstorming, Incubação, são algumas das metodologias criativas extremamente práticas para solucionar problemas e muito fáceis de usar.

Indivíduos criativos possuem grande habilidade de perceber problemas e desafios que escapam à maioria das pessoas. Eles têm uma sensibilidade de entender aspectos menos óbvios ou os pontos mais promissores de uma situação, aquelas oportunidades ocultas que poucos notam. Não por acaso Martinho Lutero disse: "Se você está procurando uma grande oportunidade, descubra um grande problema”.

5. Curiosidade
Curiosidade é ter interesse pelas coisas. Pessoas curiosas não ficam quietas esperando que as coisas aconteçam. Ser curioso permite que o indivíduo esteja aberto a novas experiências, a conhecer novos lugares, pessoas, objetos, vivenciar novas situações. É algo que vamos perdendo à medida que crescemos, pois já catalogamos, mentalmente, tudo o que julgamos ser importante para nós; desse modo, entramos num rotina diária apenas repetindo as experiências e deixamos de lado o fascínio da curiosidade e a busca pelas coisas novas.

6. Flexibilidade
Pessoas criativas têm grande flexibilidade de raciocínio e conseguem  enfocar problemas por vários ângulos diferentes. Quando surgem novos fatos ou circunstâncias, adaptam-se rapidamente à nova situação, não hesitando em abandonar uma linha de raciocínio, substituindo-a por outra mais plausível. Elas gostam de testar, examinar, avaliar, imaginar diversas alternativas e configurações antes de se decidirem por aquela que consideram a melhor solução para resolver o problema ou descobrir oportunidades. Uma das áreas em que o indivíduo flexível mais se dedica é a de fazer perguntas. “E se fizéssemos desse jeito, em vez daquele?”, “Se olhássemos a situação de outro ângulo, o que aconteceria?”

7. Fluência
A fluência é uma das características fundamentais para a resolução criativa de problemas ou descobrir novas alternativas. Pessoas criativas conseguem gerar muitas ideias diferentes para as mais variadas situações, e não se deixam levar pelo tradicionalismo ou por rotinas estabelecidas. Por exemplo: Quantos usos diferentes você daria a um clipe, além de prender papel? Eis algumas possibilidades: palitar dentes, limpar ouvidos, pendurar roupa, gancho, anzol, molho de chaves, marcador de página de livro, desentupir tubo de cola, limpar unhas etc. etc. Certa ocasião, em um curso de criatividade que ministrei, um dos participantes relacionou mais de 50 usos para um clipe, em menos de cinco minutos. Especialistas afirmam que existem mais de 500 utilidades para o clipe. Quantas você consegue encontrar?

8. Habilidade de raciocinar por metáforas
O que as seguintes frases têm em comum?  “Tempo é dinheiro”. “Barriga da perna”, “Na flor da idade”, “Cheque sem fundo”, “Esfriar a cabeça”, “Dente de alho”. Resposta: todas elas são metáforas. A metáfora é uma figura de linguagem que interliga diferentes realidades através de suas semelhanças. Ela ajuda a compreender uma ideia recorrendo a outra ideia. Ela é um dos instrumentos mais úteis ao trabalho criativo, qualquer que seja o campo de atuação profissional. Utilizamos a metáfora o tempo todo. Ela é importantíssima na comunicação do dia a dia. É quase impossível nos comunicarmos sem recorrer à metáfora. Pesquisas revelam que, durante as conversações, usamos de 3 a 4 metáforas por minuto, através de simbologias, comparações e analogias. O GPS - ou um mapa - também é uma metáfora, pois embora não seja uma cidade, ele representa graficamente a estrutura viária da cidade, o que permite encontrar facilmente o endereço desejado.
A parábola também é uma metáfora, pois através dela são ensinados ou expostos conceitos, às vezes complexos, que de outra forma seriam difíceis de entender. Por isso mesmo Jesus Cristo utilizou inúmeras parábolas para ilustrar melhor suas mensagens e facilitar a compreensão delas pelas pessoas.

9. Motivação
Pessoas altamente criativas criam, não porque alguém exigiu que criassem algo, mas porque sentem necessidade de fazê-lo. O desejo e a motivação de criar são elementos básicos para elas. Não importa as dificuldades e obstáculos, o indivíduo criativo seguirá em frente sem desanimar, pois seus estímulos são internos, não externos. Ele é movido por entusiasmos internos. Pessoas criativas encontram no trabalho que elas escolheram o caminho mais importante para alcançar sua realização pessoal. De tão motivadas e concentradas, elas, não raro, perdem a noção de tempo e espaço ao se envolverem com suas atividades.

10. Originalidade
Ser original significa livrar-se de estereótipos, ir além do comum e corriqueiro, e imaginar soluções diferentes, mais avançadas e singulares para problemas existentes ou oportunidades que surgem. Pessoas criativas conseguem desestruturar sistemas e processos tradicionais e enxergar além  das limitações impostas por regras e regulamentos, criando novas combinações e novas alternativas. Indivíduos que pensam de forma original quebram paradigmas. Em outras palavras: elas pensam “fora da caixinha”. Elas fazem conexões e associações mentais entre coisas muito diferentes entre si dando origem a eventos, fenômenos e experiências totalmente novas ou inusitadas. Foi o que aconteceu, por exemplo, com a cirurgiã-dentista Beatriz Zorowich, cuja empregada vivia entupindo a pia da cozinha quando lavava arroz. Então, uma noite, assistindo televisão, Beatriz teve um “estalo” e veio a ideia completa de como  fazer um lava-arroz.  Auxiliada pelo marido, colocou papel-alumínio em duas tigelas, grampeou uma na outra e fez furos com prego. Pronto! Estava inventado o protótipo do escorregador de arroz, útil também para escorrer verduras, feijão, morango etc. O invento foi aperfeiçoado, patenteado e passou a ser produzido industrialmente pela Trol S/A, tornando-se um extraordinário sucesso de vendas, rendendo polpudos dividendos à inventora. Algo simples e útil, no qual ninguém ainda havia pensado antes.

11. Percepção
Um dos pontos-chave da criatividade é a percepção. É aquilo que muitas vezes está bem à nossa frente, mas não enxergamos.  Vemos, mas não percebemos, olhamos, mas não distinguimos. A pessoa perceptiva enxerga além das coisas, além do óbvio, além das aparências. Foi o que Ray Krock viu no sistema de fast food criado pelos irmãos McDonalds. Os irmãos haviam criado o processo, mas não haviam se dado conta do alcance do seu invento. Ray Krock  percebeu suas imensas possibilidades e adquiriu os direitos de terceirização da metodologia, implantando-o em seus restaurantes e lanchonetes, tornando-se proprietário da maior cadeia de lanchonetes do mundo.

12. Perseverança e concentração.
Pode-se afirmar categoricamente que perseverança e concentração são dois componentes fundamentais e indispensáveis da criatividade e inovação. Muitos imaginam que ser criativo é sentar na poltrona, relaxar, dar vazão às ideias e que, depois disso, as coisas se concretizarão automaticamente como num passe de mágica. Nada mais distante da realidade. Ter ideias é uma coisa, colocá-las em prática, é outra, bem diferente. Por isso mesmo, criatividade não é para preguiçosos e indolentes. Ela exige esforço e trabalho concentrado tanto na fase de experimentação quanto na implantação.
Thomas Edison, que patenteou 1.093 inventos, afirmava que a perseverança era uma de suas maiores armas para descobrir novos dispositivos. A lâmpada elétrica, por ele inventada em 1879, teve cerca de 1.300 experiências fracassadas, antes do primeiro sucesso. Ele considerava os malogros apenas etapas indispensáveis para o triunfo final. Logo, quando Edison afirmava que a genialidade é 1% inspiração e 99% transpiração, ele queria dizer que a ideia representava somente 1% do processo, os outros 99% eram de pura transpiração para concretizá-la, isto é, tinha que “suar a camisa”.  Pessoas criativas demonstram persistência inabalável perante obstáculos e frustrações. O raciocínio ininterrupto e trabalho continuado estão entre suas melhores características. Einstein observou: “Eu penso sem parar durante meses e anos. Noventa e nove vezes a conclusão é errada. Na centésima vez eu acerto.” Mentes produtivas são disciplinadas e concentradas naquilo que fazem, a ponto de, às vezes, perder a noção de tempo e desligar-se do que acontece à sua volta.

Fonte: Texto extraído e condensado do livro “Manual de Criatividade Aplicada”, de Ernesto Artur BergJuruá Editora. 

Ernesto Berg
Consultor de empresas, professor, palestrante, articulista, autor de 14 livros, especialista em desenvolvimento organizacional, negociação, gestão do tempo, criatividade na tomada de decisão, administração de conflitos.  Graduado em Administração e Sociologia,  Pós-graduado em Administração pela FVG de Brasília. Foi executivo do Serpro em Brasília por 10 anos e consultor Senior da Alexander Proudfoot Company de São Paulo.


AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia