Google+

Tradutor

sábado, 19 de março de 2016

TI do Rio Grande do Sul pede saída de Dilma Rousseff



O Seprorgs e a Assespro-RS, duas das entidades de TI mais importantes do Rio Grande do Sul, publicaram notas nesta sexta-feira, 18, pedindo a saída de Dilma Rousseff da presidência da república.

“Entendemos que os fatos apresentados ao longo desta semana agravaram a crise política e econômica pela qual passa o país, extinguindo as condições de governabilidade da atual gestora”, resume o Serprogs.
O sindicato patronal de TI do Rio Grande do Sul pede “afastamento imediato” da presidente, sem chegar a mencionar a palavra “impeachment”. 
Provavelmente, isso tem que ver com o fato de que, além do processo de impedimento em curso na Câmara de Deputados, a presidente também pode ter sua chapa cassada pelo Supremo Tribunal Eleitoral.
Subscrevem a nota do Serprogs a Ativales, Trino Polo e Polo Sul, entidades regionais de TI dos vales do Rio Pardo e Taquari, Serra Gaúcha e Planalto.
A nota da Assespro-RS não chega a pedir explicitamente a saída de Dilma, mas a implicação fica clara no contexto.
“Os trâmites de impeachment devem ser cumpridos e entendemos que a apuração das denúncias referidas é um ato democrático e republicano”, aponta a nota.
De acordo com a Assespro-RS, o Brasil não pode “aguardar mais pela retomada da economia, da boa governança, da moralidade e pluralidade e especialmente de um ambiente saudável para pessoas e empresas construírem um país melhor e mais justo”.
Tanto Assespro-RS quando o Serprorgs se adiantaram às entidades nacionais de TI em defender a saída da presidente Dilma. 
A Assespro Nacional não fez nenhuma comunicação sobre o assunto (nem o fará, segundo pode averiguar a reportagem do Baguete). A Fenainfo, à qual o Serprogs é filiado, também não se posicionou. 
A Brasscom, talvez a entidade de TI mais poderosa do país, também não falou. 
Os acontecimentos desta semana, na qual o ex-presidente Lula foi nomeado ministro da Casa Civil (no momento, uma liminar barra a posse) e o juiz Sérgio Moro tornou públicas uma série de gravações mostrando os bastidores da administração petista, esquentaram o clima político e afastaram ainda mais o prospecto de recuperação econômica, motivando entidades empresariais a tomar posição.
O movimento foi liderado pela Fiesp, que ainda na quarta-feira, 16, se posicionou publicamente como favorável ao afastamento da presidente Dilma Rousseff. Desde então, sede da entidade na avenida Paulista tem sido iluminado com os dizeres “Impeachment Já” e se tornou um foco dos protestos na capital paulista.
A Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo (Facesp) e a Associação Comercial de São Paulo (ACSP) também manifestaram-se nesta quinta-feira pela renúncia de Dilma Rousseff.
A Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) apenas replicou comunicado da Confederação Nacional da Indústria (CNI), em que pede o fim da crise política, mas sem sugerir afastamento de Dilma.

Fonte:  http://www.baguete.com.br/

domingo, 6 de dezembro de 2015

Adobe desencoraja desenvolvedores a utilizarem o Flash




A Adobe está oficialmente encerrando o Flash. Na noite da última terça-feira,1, a empresa anunciou que vai incentivar os desenvolvedores a "utilizarem os novos padrões web", principalmente o HTML 5.
Em um comunicado, a companhia reconheceu a importância do Flash, afirmando que ele "ajudou a empurrar a web para a frente", mas com o crescimento de novas linguagens, decidiu abandonar a plataforma.

Recentemente, o Flash sofreu duros golpes, deixando de ser suportado em diversos navegadores e, praticamente, em todos os smartphones, o que contribuiu para seu declínio.
"Os padrões abertos, como o HTML5, amadureceram e agora oferecem muitos dos recursos que o Flash inaugurou. Nós encorajamos os criadores de conteúdo para construir com os novos padrões da web", explica a Adobe.
Futuro
O Flash não desaparecerá completamente e continuará a ser usado em diversas áreas, como jogos na internet e vídeos. Por isso, a companhia afirmou que está empenhada em “garantir a compatibilidade contínua e segurança de conteúdos Flash". “Vamos trabalhar com o Facebook para ajudar a garantir que conteúdos de jogos Flash na rede social continuem a ser executados de forma confiável e segura", afirmou a Adobe.
Fonte: Olhar Digital, Via Wired  

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Breve lançamento do livro "Na fuga do lobo Guará"




O livro " Na Fuga do Lobo Guará " já esta pronto , este livro conta tudo que o autor " Aurelino da Cunha Pereira, pseudônimo "Chirutropeiro", vivi, ouvi e que viveu, desde a infância até a idade adulta. Conta os causos com uma certa pitada de humor, sobre a vida de antigamente em Sombrio e região, em anexo o livro que foi editado em 1972 " Sombrio: Sua origem, seu povo e tradição".
Você que é filho de Sombriense ou que foi adotado por esta cidade deve conhecer um pouco do nosso passado. Adquira um exemplar pelo Fone (48) 3533-0884 ou E-mail: chirutropeiro@gmail.com Conheça tambem a nossa página da web rádio Somsulnativo com as mais belas musicas tradicionalistas do sul do Brasil www.somsulnativo.com.br



quarta-feira, 18 de novembro de 2015

Anonymous derruba mais de 5 mil contas do Estado Islâmico no Twitter



A principal estratégia do grupo Anonymous parece mesmo ser desarticular a comunicação e a propaganda do Estado Islâmico. Nesta terça-feira, 17, os hackers anunciaram ter conseguido derrubar mais de 5.500 contas do Twitter ligadas à organização terrorista, à qual declararam guerra um dia antes.
"Nossa capacidade de derrubar o EI é um resultado direto de nossos sofisticados hackers, mineradores de dados e espiões que temos em todo o mundo", disse Alex Poucher, porta-voz do Anonymous, à agência de notícias russa RT. "Eles nao têm hackers como os nossos".
De acordo com ele, o grupo Anonymous possui agentes "muito, muito próximos" ao Estado Islâmico em campo, e que tem acesso a ferramentas eletrônicas que "podem ser melhores que as ferramentas de qualquer governo" para combater os terroristas pela internet.
Segundo um relatório da organização Foreign Policy, só neste ano, hackers do Anonymous já tiraram do ar cerca de 150 páginas da web ligadas ao Estado Islâmico. Além disso, o grupo denunciou também cerca de 100 mil perfis no Twitter, aguardando resposta da rede social.

Fonte: Olhar Digital


terça-feira, 17 de novembro de 2015

CA Technologies realmente decidiu sair do mercado de DCIM






Facebook’s DCIM Vendor CA Quits DCIM Software Market


Em tradução livre:

CA Technologies decidiu sair do mercado de gerenciamento de infra-estrutura de centro de dados, onde foi considerado um dos líderes.

A gigante do software de gerenciamento de infraestrutura de TI baseada em Nova York não vai mais vender sua solução autônoma DCIM software, chamado CA DCIM, que foi implantado em centros de dados operados pelo Facebook e NTT-propriedade RagingWire, entre outros.

A categoria relativamente nova de produtos, soluções de software DCIM foram recebidas com muito ceticismo na indústria. Embora os vendedores e analistas dizem que os profissionais dos centros de dados geralmente entendem DCIM melhor hoje do que fizeram até mesmo um ano atrás, que o ceticismo, juntamente com a complexidade e, na maioria dos casos, elevado custo de implantação de DCIM, ainda impedem muitas empresas de adoptar as ferramentas.

De acordo com uma previsão por Jennifer Koppy, diretor de pesquisa da IDC, que acompanha o mercado DCIM, o mercado vai chegar a $ 576.000.000 em receita este ano - um aumento de $ 475.000.000 em 2014. Ele vai ficar perto de US $ 1 bilhão em 2019, crescendo a um composto taxa anual de 16 por cento.

CA DCIM, que foi construída em torno do produto de monitoramento de energia já existente da empresa chamado ecoMeter, foi um dos quatro principais produtos em empresa de pesquisa de mercado Magic Quadrant do Gartner para DCIM no ano passado, juntamente com o software DCIM by Schneider Electric, Emerson Network Power, e Nlyte Software . Gartner caiu CA do quadrante deste ano, publicado em outubro, deixando Schneider, Emerson, e Nlyte como os três líderes remanescentes.

Emerson, de acordo com a IDC, tem a maior quota de mercado DCIM, seguido por Schneider.

Em vez de vender um produto DCIM autônomo, CA incidirá sobre end-to-end de monitoramento de infraestrutura de TI, incluindo coisas como rede, middleware, bancos de dados e até mesmo aplicativos, Fred Weiller, diretor sênior de marketing de produtos para infra-estrutura de Gerenciamento de Portfólio da CA, disse em uma entrevista.

Isto incluirá energia do data center e recursos de monitoramento de refrigeração, as capacidades de ecoMeter, a gênese do CA DCIM. Mas não vai incluir outros componentes de software DCIM, tais como a visualização do layout do centro de dados físico e gestão de ativos, disse ele.

O produto não acabar na tábua de bater porque houve baixa demanda, Weiller explicou. Era mais sobre como alinhar os produtos da empresa com a sua direção estratégica, que é sobre a expansão de alcance em toda infra-estrutura empresarial horizontal.

"DCIM é o que eu chamaria de uma solução verticalmente integrada que tem o componente ativo, o componente de fluxo de trabalho, e, em seguida, o componente de monitoração", disse Weiller. "Nós decidimos que continuar a desenvolver uma solução DCIM mais verticalmente integrada não era o melhor uso dos nossos recursos em termos de fornecer novos recursos para nossos clientes."

CA continuará apoio para sair clientes CA DCIM, incluindo serviços, lançamentos de manutenção, bem como a expansão da capacidade. "Nós vamos tomar muito cuidado com clientes que implantaram essa solução", disse ele.

Fonte: datacenterknowledge

Link: http://www.datacenterknowledge.com/archives/2015/11/16/facebooks-dcim-vendor-ca-quits-dcim-software-market/?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=384&sfvc4enews=42&Issue=DCK-01_20151117_DCK-01_971&utm_rid=CPNET000004633552&elq2=4cb0f6bed0574ec38240870c21d25990&cl=article_1_b&NL=DCK-01

AddThis Smart Layers

Aqui você pode doar para a manutenção das noticias do Blog de Tecnologia

Doe com o Pag Seguro

Pagamento Global

Imagens de solução

Socialclique

Afilio

Siliconaction

Cliquebanner

Afilio

Web Rádio Somsulnativo

Fogabras

Blog do Nelson Alves

Blog de Moda

Blog de Tecnologia